(pt) Espanha, Solidaridad Obrera, Metro de Madrid # 110: A AUTORIZAÇÃO PARA PAGAMENTO DOS MAIS DE FÉRIAS FINALMENTE CHEGADOS (ca, de, en, fr, it)[traduccion automatica]

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Quinta-Feira, 6 de Janeiro de 2022 - 08:20:39 CET


50% ARRANJOS, 50% PARA O FUTURO ---- Como todos os trabalhadores do Metro vocês 
já sabem, depois de uma norma europeia sobre a cobrança de todos os bônus durante 
o mês de férias, para que durante este período não tenhamos qualquer perda no 
nosso salário , e devido à recusa da Gestão do Metro em nos pagar estes bónus, 
foi instaurado um litígio colectivo pleiteando o referido direito do Metro de 
Madrid, com o resultado de uma sentença a favor dos trabalhadores, embora um 
tanto ambígua, uma vez que condenou o Metro a pagar todas as quantias que ainda 
não foram pagas.
  Nesse cenário, a Administração do Metrô alegou que já havia pago os valores 
reclamados, enquanto os trabalhadores reclamavam os valores integrais, garantindo 
que não havíamos recebido nenhum valor dos bônus durante as nossas férias. Assim 
e quase a finalizar a negociação do acordo, ofereceram-nos o pagamento de 10% do 
que reclamamos, oferta essa rejeitada na própria assembleia e após diferentes 
ofertas e contra-ofertas, chegámos a um acordo de 50%, ambas em mora , e para o 
futuro.
  Depois de muitos meses com este princípio de acordo e poucas franjas para 
arquivar, ainda que marcados pela contínua demora dos responsáveis de RH, e junto 
com a demora das Administrações da Comunidade de Madrid em autorizar o item 
Econômico necessário para o enfrentamento do pagamentos, eles nos trouxeram desde 
antes da assinatura do Acordo até o final do ano para a resolução de um problema 
que vínhamos arrastando desde 2015 a disputa coletiva pelos bônus do mês de 
férias foi interposta.
  Pois bem, na falta de colocação da assinatura final do ato, que ocorrerá na 
próxima terça-feira, dia 4 de janeiro, o acordo para a cobrança do bônus de 
férias já está fechado e com isso será encerrado um longo capítulo de desavenças 
neste aspecto. entre a Gerência do Metrô e os representantes dos trabalhadores.
  O acordo pode ser dividido em três partes:
Os chamados atrasos 2015-2020, que correspondem aos valores em gratificações que 
recebemos entre 2015 e 2020, com os quais foram realizadas 27 parcelas, que dão 
origem a um valor compensatório muito próximo de 50% do que deveria ter recebidos 
a título de gratificação, segundo os cálculos dos sindicatos, nos meses de férias 
daqueles anos.
Para receber esses valores, será necessário solicitá-los individualmente e 
renunciar ao direito de pleitear valores sobre esses conceitos. Para isso, haverá 
um prazo que vai até 31 de março para os trabalhadores da ativa e até 30 de junho 
para os colegas que não pertencem mais ao Metro.
Para corroborar os valores acumulados em bônus entre 2015 e 2020, eles colocarão 
na Plataforma Central, em nosso perfil, os valores que recebemos em cada um dos 
bônus, para que possamos verificar a veracidade dos cálculos.
Os atrasados de 2021, serão recolhidos na folha de pagamento de fevereiro e serão 
calculados com o acumulado em bônus durante 2021, sendo aproximadamente 50% da 
média arrecadada em bônus durante 2021, excluindo o mês de férias.
A partir de 2022, durante o mês de férias, será recebido o valor médio apurado em 
cada mês do ano anterior, para isso, os valores dos diversos bônus serão 
reduzidos, na medida em que esses valores não arrecadados no dia a dia mais a 50% 
acrescidos pelo acordo, garantem que no mês de férias cobramos o mesmo que a 
média do ano anterior, sim, reavaliado pelo aumento marcado no acordo coletivo.
  Para a Solidaridad Obrera, apesar de não ser o melhor acordo a que aspirávamos, 
acreditamos que é uma boa saída para resolver este problema que temos enfrentado 
desde 2015 e que, de acordo com os nossos serviços jurídicos, bem como os dos 
resto dos sindicatos, viu uma solução difícil.
Madrid, 31 de dezembro de 2021
Por Solidaridad Obrera
O CONSELHO Sindical

https://www.facebook.com/Soliobrera/posts/4435527293243700


Mais informações acerca da lista A-infos-pt