(pt) France, UCL AL #317 - Antifascismo, "Chamada por liberdades": precisamos de ações, não de uma petição! (ca, de, en, fr, it)[traduccion automatica]

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Terça-Feira, 6 de Julho de 2021 - 09:31:16 CEST


Em 4 de maio, foi publicada no site do jornal Liberation uma coluna intitulada 
"Apelo às liberdades contra as ideias de extrema direita". Embora politicamente 
próximo de nossa análise, pareceu-nos necessário lê-lo criticamente. ---- 
Assinado por algumas centenas de dirigentes e "personalidades" políticos e 
sindicais 1, o "Apelo pelas liberdades, contra as ideias de extrema-direita " 
publicado em 4 de maio na Liberation traz uma observação que só podemos 
compartilhar: a ascensão contínua da extrema direita em todos os níveis (na rua, 
na mídia, no poder). ---- Com base nos últimos acontecimentos na França e no 
mundo, os signatários clamam por "uma reação forte, unida e unificadora, para 
reafirmar nossa luta comum contra a extrema direita, suas idéias e todos aqueles 
que participam de sua propagação" , por meio de "uma grande manifestação na 
primavera de 2021 para dizer não à extrema direita, às suas idéias que são 
propagadas ao governo e para defender nossas liberdades individuais e coletivas" 
e que " associações, sindicatos, coletivos, partidos que compartilham a base 
deste chamar[...]se reúnem para construir as condições" .

Na UCL, só podemos compartilhar a observação feita por este fórum. Se a forma 
evoluiu com a integração de organizações políticas, só podemos lamentar que não 
seja, primeiro, baseada em grupos ativos no campo. Lamentamos também que a 
convocação para uma manifestação (que será realizada em 12 de junho) não se junte 
à marcha em homenagem ao nosso camarada Clément Méric, vítima da violência de 
extrema direita, organizada em 5 de junho ... ele não 'é nem mesmo mencionado. 
Este é para nós um grande erro político e que mostra a distância entre os 
signatários e a realidade do antifascismo hoje.

Para uma unidade sincera
Sejamos claros: a UCL defende e sempre defenderá a mais ampla unidade possível 
contra a extrema direita e seus ideais. O perigo representado pela atual dinâmica 
de fascização é muito sério para permitir que permaneçamos isolados. No entanto, 
este apelo, assinado de cima, não tem a forma de criar uma unidade real. Essa 
convergência corre o risco de ser poluída por reuniões eleitorais. Dito isso, 
vários grupos locais optaram por investir localmente nesta base.

Trata-se de criar convergência real, desta vez a partir de baixo. A unidade e o 
vínculo entre todas as componentes do movimento social nesta matéria não podem 
ser alcançados sem respeitar ao mesmo tempo as nossas diferenças políticas, 
estratégicas e organizacionais, mas também tendo uma exigência de credibilidade e 
um compromisso real no terreno. Esse trabalho deve continuar após 12 de junho. A 
estrutura pode e deve ser superada a fim de construir um movimento antifascista 
popular e massivo.

Comissão Antifascista da UCL

https://www.unioncommunistelibertaire.org/?Appel-pour-les-libertes-on-a-besoin-d-actions-pas-de-petition


Mais informações acerca da lista A-infos-pt