(pt) France, UCL Toulouse - Roland, os posseiros e a mídia: análise da situação (ca, de, en, fr, it)[traduccion automatica]

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Terça-Feira, 23 de Fevereiro de 2021 - 07:28:52 CET


Após o frenesi da mídia causado pelo caso Roland, o CREA Toulouse se oferece para 
retomar os fatos com calma e analisar a situação. Um texto muito completo para 
esclarecer suas idéias, sobre esse assunto, mas também sobre o ato político do 
squat em geral. ---- CREA - 15 de fevereiro de 2021 ---- O frenesi da mídia em 
torno da ocupação de uma das propriedades de Roland começou há dez dias. La 
Dépêche du Midi relata que Roland vinha "uma vez por semana" a esta propriedade 
há vários meses, para "descansar e manter a casa". Em setembro, a empregada 
doméstica (ou a agência que deveria vender a casa segundo uma ou outra das duas 
versões veiculadas na mídia) avisa que pessoas precárias se instalaram ali. O 
proprietário inicia o processo de despejo. Poucas semanas depois, em 23 de 
outubro, chega o julgamento: a expulsão acontecerá no final das férias de 
inverno. Mas na segunda-feira 1 st Em fevereiro, o anúncio da prorrogação da 
trégua de inverno pelo ministro da Habitação leva Roland e sua família a divulgar 
o caso e a agitar as redes sociais para obter um despejo fora do quadro legal. De 
fato, Roland quer vender sua casa e precisa esperar mais dois meses. Ele não 
aguenta. O caso é rapidamente assumido pela extrema direita local e pelos 
reacionários de todos os matizes que não hesitaram em semear confusão adotando 
uma versão falaciosa e atrair a compaixão nacional para uma versão truncada da 
história. O revezamento de mídia de Roland é organizado e, a partir de 
terça-feira, várias manifestações de apoio se sucedem até que os ocupantes 
decidam deixar as instalações na noite de quinta-feira.

Nós, um coletivo de ajuda mútua entre squats em Toulouse, que já existe há quase 
dez anos, gostaríamos de voltar a alguns pontos deste caso. Em particular, por um 
lado, nas aproximações, falsas verdades, instrumentalização dos meios de 
comunicação, descontrole irracional das redes sociais e, por outro lado, no 
sentido de reafirmar a nossa posição política - que contrasta com o mal-estar 
palpável de alguns dos "nossos camaradas".[...]

Leia mais no site do CREA!

Link para o artigo completo aqui: 
https://creatoulouse.squat.net/roland-les-squatteurs-et-les-medias/

https://ucltoulousealentours.noblogs.org/post/2021/02/17/roland-les-squatteurs-et-les-medias-analyse-de-la-situation/#more-877


Mais informações acerca da lista A-infos-pt