(pt) Organização Anarquista Socialismo Libertário - OASL: Neste sábado, debate das Marchas da Maconha com participação de militante da OASL

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Domingo, 27 de Setembro de 2020 - 08:54:23 CEST


Salve, comunidade canábica! ---- No próximo sábado, dia 26/09, às 16h20, teremos a terceira live promovida pela articulação de Marchas da 
Maconha, que vem sendo construída desde o início da quarentena!  ----  NÃO É SÓ PARA FUMAR QUE NÓS MARCHAMOS - ORGANIZAÇÃO E AÇÃO POLÍTICA 
EM NÍVEL MUNICIPAL é o tema do nosso terceiro debate, que será transmitido simultaneamente em diversas páginas de coletivos que organizam 
Marchas da Maconha pelo Brasil! ----  A proposta da mesa é debater como a pauta antiproibicionista pode reverberar em formas de ação 
política na esfera dos municípios. Seja nos âmbitos da Saúde, da Educação ou da Segurança, dentre outras possibilidades; vamos refletir 
sobre o tema, com a participação de pessoas que tocam a organização e a luta em suas cidades tanto de forma institucional quanto 
extrainstitucional.
  Nossa mesa vai contar com a participação de BAi BAi, Dennis Conti, Erika Loka, Eula Morais, Gleick Maia, Jorge Gabriel, Renato Cinco, Vini 
Lanças e Zazá, com mediação de Daiane Ros.
  BAiBAi (Teresina-PI) Filho de Xangô no Quilombo Boa Esperança, Músico, Educador Social, Licenciado em Filosofia (UFPI), Artivista do 
Movimento "Lagoas do Norte pra Quem?" e colaborador da Marcha da Maconha de Teresina.
  Dennis Conti (Santos-SP) atua no coletivo Marcha da Maconha Santos, no Grupo de Estudos Poder Popular (GEPP) e na Organização Anarquista 
Socialismo Libertário (OASL), vinculada à Coordenação Anarquista Brasileira (CAB).
  Erika Loka (Fortaleza-CE) é Secretária de Cultura do PT-Ceará e Militante da Rede Nacional de Feministas Antiproibicionistas (RENFA).
  Eula Morais (Apodi-RN) é militante do Movimento Estudantil e Feminista Antiproibicionista. Cria de um projeto de interiorização e 
descentralização da educação pública e cursa Ciências Sociais e Política na UERN.
  Gleick Maia (São Luís-MA) é fundador do Conselho Comunitário e Cultural do Monte Castelo, fundador da Banda Verdura, Ativista Ambiental e 
da Marcha da Maconha de São Luís. Licenciando em Ciências Biológicas (UFMA), Permacultor.
  Jorge Gabriel (Belo Horizonte-MG) é bacharel em Geografia (UFMG) e Mestre em Análise Ambiental e Dinâmica Territorial (UNICAMP/SP). É 
membro ativo da Marcha da Maconha de Belo Horizonte desde 2012, idealizador da Semana 4e20 e criador do Festival Raízes.
  Renato Cinco (Rio de Janeiro-RJ) é militante da Marcha da Maconha, fundador do Movimento pela Legalização da Maconha (MLM) e atualmente 
está em seu segundo mandato como vereador da cidade do Rio de Janeiro.
  Vini Lanças (Florianópolis-SC) é ativista antiproibicionista e Doutor em Sociologia Política (UFSC), constrói a Marcha da Maconha de 
Florianópolis.
  Zazá (São Paulo-SP) é Artesã e Redutora de Danos, Sem Teto Militante do Movimento Negro, LGBT, Feminista Antiproibicionista.
  Daiane Ros (Maceió-AL), que vai mediar o debate, é Educadora Popular e Ativista Antiproibicionista, membra do Coletivo Marcha da Maconha 
de Maceió.
  Chega junto, anota na agenda, divulga prazamigues e pra família toda!
  26/09
  16H20
  E se você gerencia a página de alguma Marcha da Maconha ou Coletivo Antiproibicionista na sua Cidade e quer participar dessa transmissão, 
manda uma mensagem pra gente.
#livesdasmarchas
#marchadamaconhaemquarentena
#marchadamaconha
#quarentenaresistencias

https://www.facebook.com/anarquismosp/posts/1595401047313196


Mais informações acerca da lista A-infos-pt