(pt) [Espanha] O número 7 da "Fuenlabrada Libertaria" está disponível By A.N.A. (ca)

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Domingo, 27 de Setembro de 2020 - 08:46:45 CEST


"Fuenlabrada Libertaria", porta-voz da CNT Fuenlabrada, celebra seu primeiro aniversário com esta edição. Durante este tempo houve muitas 
pessoas que participaram com a contribuição, de forma desinteressada, de artigos, desenhos, informações, etc.
ÍNDICE
- Por que este verso? Por que Mario Benedetti? Por Jaime Manso.
- Uma homenagem biográfica a Lucio Urtubia.
- Vox anuncia que vai criar um sindicato, por Alberto Quintana.
- O "Único" Anarquista. Anarquismo individualista, por Leon Dario.
- HQ: Casas Viejas.
- Biblioteca Libertária Jesús Lizano, por Sebastián Martín.
- Encontre alguém lá fora para ajudá-lo, por Luis Rabanal.

EDITORIAL

"Fuenlabrada Libertaria", porta-voz do sindicato de ofício vários da CNT Fuenlabrada, comemora um ano de vida nesta edição de 
setembro-outubro. Durante este tempo houve muitas pessoas que participaram com a contribuição de artigos, desenhos, informações, etc... que 
nos encarregamos desta edição, e somos eternamente gratos a todos eles, pelo desinteresse com que deram seu tempo, esforço e conhecimento, 
contribuindo com seu grão de areia para criar um meio de expressão onde tratamos uma grande diversidade de tópicos, confrontamos pontos de 
vista e aprendemos mutuamente.

Escolhemos o formato do fanzine devido ao peso histórico associado à cultura underground deste tipo de publicação, que remonta ao século 
XIX. Foi e está associada à mídia editorial de baixo custo e a uma filosofia longe dos direitos de propriedade, tanto em sua autoria quanto 
em sua divulgação, razão pela qual apostamos que seria uma publicação gratuita e que chegaria ao mundo inteiro tanto em formato físico como 
digital. Como disse Antonio Lara, "os fanzines têm desempenhado um papel fundamental na evolução geral da mídia, e mais especificamente das 
formas culturais marginalizadas pelas instituições oficiais".

Da CNT Fuenlabrada iniciamos vários projetos de caráter cultural como herança do trabalho educativo que tanto os sindicatos anarquistas 
quanto os libertários dentro do movimento trabalhista tiveram ao longo de sua existência. O objetivo destes projetos é formar pontos de 
encontro onde a troca de ideias, conhecimentos e opiniões são uma constante que leva a outros projetos de lazer secundários e alternativos 
que lutam contra o oficial, baseados no consumo de álcool, drogas e jogos de azar. Um povo educado é o que mais detesta o poder, um povo 
educado conhece suas possibilidades e as promove, em muitos casos, fora dos canais estipulados pelo Estado, que lhe retira o monopólio do 
conhecimento, criando gradualmente uma nova sociedade baseada em valores mais humanos que garantem um futuro em democracia, solidariedade, 
apoio mútuo e liberdade.

>> Aqui você pode lê-lo ou baixá-lo:
https://fuenlabrada.cnt.es/wp-content/uploads/2020/07/fuenlabrada-libertaria-7.pdf?fbclid=IwAR2iTXr0gaS1nHvkmjqlg0f0kVjLwp725bRreP9212mQPCioUy7nG_9mBdU

Tradução > Liberto

Conteúdo relacionado:

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2020/08/06/espanha-fanzine-fuenlabrada-libertaria-n6-especial-pedagogia-libertaria/

agência de notícias anarquistas-ana


Mais informações acerca da lista A-infos-pt