(pt) [Chile] Santiago: Algumas palavras em 11 de setembro By A.N.A. (en)

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Segunda-Feira, 14 de Setembro de 2020 - 07:07:45 CEST


Há anos, a juventude combatente vem lutando na vanguarda do protesto social, não apenas no Chile, mas em todo o planeta. 18 de outubro foi a 
data histórica e existencial onde o espaço e o tempo foram quebrados e onde prefiguramos em atos um mundo diferente. Toda a população desta 
vez tomou as ruas, cansada dos abusos e misérias da vida, para levar tudo isso para dentro. ---- Há nos grupos dominados uma inclinação 
natural para a liberdade, para a rebelião, para a revolta e para a recuperação total da vida. 73 marcou toda uma geração, e o que aprendemos 
com ela não foi em vão; foi com o tempo que adquirimos experiência e consciência de luta, de história, de nosso passado e de nosso futuro. 
Ouvimos aqueles que vieram antes de nós, vivemos a violência e a experimentamos, perdemos a compaixão, tiramos nossas próprias conclusões e 
temos certeza de que nada terminou. Todas as feridas e todas as quedas são fracassos parciais, assim como os elementos dos quais se pode 
tirar a força para continuar lutando.

Diante do cenário em que nos encontramos, é claro que tudo está dando errado e que tudo visa reduzir nossas forças. Entre a pandemia e o 
plebiscito, estamos atônitos e bombardeados com notícias e projetos que dizem nos emancipar, mas estão longe disso. Não há dúvida de que 
nossa libertação será nosso trabalho ou não. Cabe a nós garantir que a história não se repita.

Neste 11 de setembro, o primeiro dia após o início da revolta, pedimos o fortalecimento da organização territorial, ação direta, apoio mútuo 
e solidariedade, assim como a comemoração desta data da maneira que julgar apropriada, mantendo as salvaguardas e cuidados necessários, 
tanto na saúde quanto nas ruas.

Setembro é negro e nossa memória está carregada de futuro.

Nada e ninguém está esquecidx!

As ruas são nossas

NÃO MAIS TOQUE DE RECOLHER!

Abaixo o estado policial

LIBERDADE PARA OS PRESXS DA REVOLTA!

Em memória e ação para aqueles que caíram no curso da guerra social!

VIVA A ANARQUIA!

Assembleia Libertária Chuchunco

Chuchunco, Vale do Mapocho[Est. Central, Santiago

Tradução > Liberto

Conteúdo relacionado:

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2020/09/10/chile-combate-frontal-e-organizacao-revolucionaria-contra-o-fascismo-e-o-capital/

agência de notícias anarquistas-ana


Mais informações acerca da lista A-infos-pt