(pt) [Filipinas] A repressão contínua aos anarquistas By A.N.A. (en)

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Quinta-Feira, 14 de Maio de 2020 - 09:07:40 CEST


Fomos contatados por camaradas nas Filipinas para nos informar sobre a situação que está acontecendo por lá enquanto falamos. ---- A CNN 
informou em 24 de abril de 2020 que o presidente Rodrigo Duterte alertou novamente que ele pode declarar lei marcial devido à alegada 
ilegalidade dos rebeldes comunistas. ---- "Estou alertando a todos e notificando as forças armadas e a polícia, posso declarar lei marcial", 
disse Duterte em um discurso gravado na sexta-feira. ---- O presidente também prometeu ‘acabar' com todos os membros do grupo comunista 
antes que seu mandato termine em 2022. ---- Segundo camaradas, que desejam permanecer anônimos para sua própria proteção e segurança, isso 
aconteceu silenciosamente. E que uma "Segunda Lei Marcial é implementada silenciosamente". O que havia de mídia independente, foi reprimida, 
apenas a mídia controlada pelo estado está autorizada a operar.

Nossos camaradas continuam dizendo: "Não há como informar o que está acontecendo em nossa comunidade. Nenhuma mídia convencional está 
documentando o que realmente acontece aqui. É um fato alarmante!

A "Comunidade" é composta por anarquistas, punks e outros "esquerdistas não convencionais" e nos últimos meses eles foram assediados, 
presos, fuzilados e tiveram suas casas e reuniões invadidas com tudo, desde literatura a eletrodomésticos, como computadores foram 
confiscados ou destruídos.

O DDS (DUTERTES DEATH SQUAD), um grupo paramilitar "secreto" que trabalha "sob as regras da lei" tem "cometido violência desumana em massa 
na comunidade", continua nosso camarada, "eles vão em casas suspeitas (identificadas) por seus informantes e fazem incursões sem mandado, 
eles chamam de ataques silenciosos e isso geralmente acontece ao amanhecer".

"O DDS é composto por muitos ex-policiais, os soldados usam máscaras de esqui, há equipes em todas as delegacias de polícia e existe uma 
pessoa no comando". O "DDS visitará seu local e dará um aviso e, pela segunda vez, você estará na lista deles".

"Algumas de nossas equipes e amigos têm medo deles e nos mudamos muito para casas diferentes porque ficar em nossa loja não era mais seguro 
e é por isso que não dormimos e ficamos acordados muito à noite por aqui".

Em 3 de maio, nossos camaradas informaram que haviam muitos policiais e soldados patrulhando as ruas e muitos postos de controle.

Usam o Coronavírus como desculpa para aumentar seu controle e realizam mais ataques a qualquer pessoa "que não apoie nosso presidente ou que 
fale das coisas ruins que ele está fazendo, é difícil viver neste regime".

"As pessoas aqui têm medo de falar sobre esses assuntos ou não falam por medo de serem apanhadas, e algumas pessoas foram presas por 
tentarem realizar atividades no Dia do Trabalhador (dia 1 de maio)".

Na noite de 3 de maio de 2020, recebemos a seguinte mensagem de nossos camaradas:

"Um de nossos camaradas foi morto a tiros ontem, 2 de maio às 19h00 na rua. Ele e a esposa e o filho de 6 anos estavam indo para casa e no 
posto de controle foram baleados à queima-roupa. Ele foi baleado cinco vezes na cabeça e sua esposa também foi baleada com tiros na cabeça 
duas vezes, enquanto seu filho foi atingido por uma bala perdida.

"A questão em nossa mente é o que realmente está acontecendo em nosso país, com mais e mais mortes todos os dias.

"E a pergunta é o que aconteceu no posto de controle de Barangay (uma área interna da cidade, favela ou subúrbio) porque cada Barangay é um 
bloqueio total e o posto de controle era guardado por dois policiais e quatro policiais de Barangay.

"Os investigadores da cena do crime (SOCO) só questionaram os dois policiais e a polícia de Barangay, que disseram ver apenas dois caras 
andando de moto, que chamamos de andar em tandem (juntos), usando máscaras de esqui. Todo mundo aqui sabe que isso se refere aos "esquadrões 
da morte" e que ele foi alvo deles".

O camarada que foi baleado e morto foi descrito como um "verdadeiro pai e um bom camarada da classe trabalhadora que trabalhava em nossa 
loja de informática". Seu filho agora é órfão e estamos "tentando fazer o que é certo por ele, somos sua família".

"Vivemos um tempo em que não há justiça ou direitos humanos e tudo está sob o controle de nosso presidente assassino e de seus assassinos 
contratados de "gangues" que andam de moto e usam máscaras de esqui.

"Os meios de comunicação publicam apenas questões relacionadas às drogas e também têm medo de nosso presidente.

"Apesar de que ao dizer isso a você tememos por nossas vidas, de nossas famílias e de nossos camaradas e amigos, continuamos educando nossa 
comunidade sobre o anarquismo, dando-lhes ideias sobre como resistir a esse tipo de injustiça e mostrando que existe outro caminho. Nossa 
chamada democracia é uma completa mentira.

"Fomos presos muitas vezes por causa de nossa propagação do anarquismo, o tempo é tudo o que temos e é caro e não sabemos quando seremos 
atingidos (pelo DDS ou pela Polícia / Militares), só podemos esperar que não estejamos na lista".

Viva Anarkista (camaradas anarquistas - Filipinas)

Atualização de 5 de maio

Recebemos a seguinte mensagem hoje: "Outro camarada foi morto hoje às 17h00 pelo esquadrão da morte, foi acertado por cinco balas na cabeça 
pelas pessoas da máscara de esqui andando de moto. Ele era um homem bom, trabalhava como motorista de táxi e era nosso companheiro skinhead 
e tocava em nossa antiga banda como baixista.

"Talvez nosso nome esteja na lista, mas isso não vai nos impedir de educar sobre o anarquismo para a nossa comunidade."

Fonte: https://www.anarchistcommunism.org/2020/05/05/philippines-the-continuing-crackdown-on-anarchists/

Tradução > A. Padalecki

Conteúdos relacionados:

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2020/04/04/presidente-das-filipinas-manda-matar-quem-descumprir-regras-de-confinamento-por-coronavirus/

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2018/10/25/a-guerra-contra-as-drogas-nas-filipinas-quatro-voluntarios-do-food-not-bombs-assassinados-um-esta-preso/

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2017/09/28/filipinas-antiautoritarismo-contra-o-fascismo-21-de-setembro-luneta-park-manila/

agência de notícias anarquistas-ana


Mais informações acerca da lista A-infos-pt