(pt) [Itália] Viva o Primeiro de Maio Anarquista By A.N.A. (en)

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Terça-Feira, 5 de Maio de 2020 - 10:35:09 CEST


"Uma sociedade que obedecer à legislação porque é imposta pela academia e não por seu caráter racional, será uma sociedade de brutos e 
idiotas" - M. Bakunin ---- Diante deste vírus, tornado um perigo direto para a saúde pública, e especialmente para os grupos mais 
vulneráveis como os anarquistas, decidimos, com racionalidade e atenção, desistir de desenvolver e organizar nosso tradicional Primeiro de 
Maio. ---- Fazemos com muito pesar, mas cremos que essa é a escolha certa. O Primeiro de Maio é para os trabalhadores e é movido, 
precisamente, pelo respeito e solidariedade com os que gastaram grande energia trabalhando e perdendo a vida em hospitais na tentativa de 
conter o agressivo Covid-19. Por esse respeito que tomamos tal decisão.
Esses trabalhadores se empenharam, com sua força e engenhosidade, em compensar o déficit de uma saúde pública reduzida e de fraudados 
recursos humanos e econômicos, favorecendo, assim, a saúde privada, em que o lucro prevalece sobre o ser humano.

Desistimos por respeito e gratidão a esses trabalhadores, e a todos os demais trabalhadores, que sofrem as terríveis consequências de uma 
empresa em que a vida de todos tem muito pouco valor em comparação com o lucro de alguns, para não criar a menor chance de frustração do 
sacrifício de seus empregados.

Agora, mais do que nunca, acreditamos na necessidade do sinal da luta e esperamos que esse horror acabe em breve sem, no entanto, mudar 
nossos relacionamentos humanos. Esse medo do outro não supera nossa solidariedade, irmandade e sociabilidade: condições essas que 
acreditamos serem essenciais para os indivíduos terem esperança de uma sociedade melhor em seus corações.

Continuaremos lutando, ininterruptamente, contra o capital e contra os governantes, tendo sempre como objetivo a completa emancipação 
econômica, política e moral dos explorados.

Esse dia de Maio é um dia de luta junto aos trabalhadores da saúde e demais setores envolvidos, como sempre sabe-se: "trabalhadores entre 
trabalhadores".

Convidamos todos os cidadãos a encher a cidade com flores vermelhas, simbolizando o desejo de renascimento da nova humanidade e da luta social,

Viva o Primeiro de Maio Anarquista!

Gruppo Anarchico Germinal FAI Carrara

Tradução > Ana Fernandes

agência de notícias anarquistas-ana


Mais informações acerca da lista A-infos-pt