(pt) cab anarquista: 20 de junho - 7 anos da prisão de Rafael Braga

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Quinta-Feira, 25 de Junho de 2020 - 08:15:32 CEST


Há 7 anos, no dia 20 de junho de 2013, Rafael Braga Vieira era detido nas ruas do Centro do Rio de Janeiro, durante a dispersão de um dos 
grandes atos das mobilizações contra o aumento das passagens. Rafael se encontrava em situação de rua na época, trabalhando como catador de 
material reciclável, e por vezes não voltava pra casa por falta de dinheiro pra passagem. Ele carregava consigo duas garrafas de plástico, 
uma com desinfetante e outra com Pinho Sol, mas foi acusado de portar material explosivo, que seriam coquetéis molotov. ---- Rafael foi 
julgado e condenado em tempo recorde, servindo como bode expiatório para as manifestações que aconteciam à época. Por ser Preto e pobre, 
Rafael foi alvo fácil pro judiciário racista. É importante ressaltar que Rafael foi condenado durante o governo Dilma, do Partido dos 
Trabalhadores, que não mexeu um palmo para ajudá-lo.

Para saber mais detalhes do caso do Rafael Braga, acesse o site da Campanha: https://libertemrafaelbraga.wordpress.com/about.

Rafael Braga é hoje o símbolo da seletividade penal e do racismo do judiciário no Brasil e seu caso se tornou conhecido internacionalmente 
com a ajuda da Campanha pela Liberdade de Rafael Braga, agrupamento que se formou no final de 2013. Entre mobilizações nacionais, 
internacionais e locais, a Campanha conseguiu levar o caso do Rafael a milhares de pessoas. A amplitude que o caso tomou e a pressão popular 
fizeram com que o Rafael conseguisse cumprir a pena em prisão domiciliar pra tratar da tuberculose, adquirida nas péssimas condições do 
cárcere. Além disso, a mobilização coletiva também conseguiu dar uma casa nova para a sua família e ajuda-los com doações recebidos por todo 
o país.

Consideramos essencial não deixarmos o caso do Rafael Braga cair no esquecimento. Rafael colhe as consequências de 2013 no corpo e na mente 
até hoje e seu sofrimento não pode ser esquecido. O genocídio do povo Negro é construído sob diversos pilares e o projeto de Estado de 
encarceramento em massa é um deles. É preciso nos organizarmos nos bairros, favelas, locais de trabalho e estudo para lutarmos contra o 
terrorismo do Estado brasileiro.

Em tempos de pandemia, a família se encontra em situação financeira pior do que o normal, já que o Rafael não pode sair para trabalhar e 
seus familiares são informais. Ajudem a família depositando recursos na conta em nome da Dona Adriana, mãe do Rafael.

Caixa Econômica Federal
Agência - 4064
Conta poupança - 21304-9
Adriana de Oliveira Braga
CPF: 148.955.027-59

Contra o genocídio do Povo Negro!
Contra o encarceramento em massa!
Libertem Rafael Braga!

http://cabanarquista.org/2020/06/20/20-de-junho-7-anos-da-prisao-de-rafael-braga/


Mais informações acerca da lista A-infos-pt