(pt) [Itália] Não é só racismo, é guerra de classes By A.N.A.

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Domingo, 14 de Junho de 2020 - 07:37:40 CEST


20 dólares. Isso vale a vida de um homem nos EUA. O assassinato de George Floyd não é apenas um dos casos repetidos de discriminação, 
violência e opressão contra minorias, mas o exercício normal de um poder que é fundado na exploração selvagem e no empobrecimento crescente 
dos trabalhadores americanos. ---- A mesma emergência sanitária confirmou a enorme diferença entre aqueles que podem custear o tratamento, o 
qual é pago e inacessível a grande parte dos americanos, e aqueles que só podem morrer, sem mesmo poder pagar para fazer um exame para 
averiguar a doença. ---- Eles fazem passar como "sonho americano" a vitrine atrás de vitrines brilhantes de mercadorias que a maioria das 
pessoas não pode pagar. Então não há nada de anormal naquelas janelas que estão quebradas. Trump invoca o exército, pensando em resolver a 
revolta com um banho de sangue e declara que os grupos antifas são terroristas quando o único terrorista é ele.

Como anarquistas e antifascistas só podemos estar ao lado do povo em revolta e frisar que o único terrorista, assassino e explorador 
profissional é o Estado, que nunca perde uma oportunidade de se legitimar, semear ódio e desespero.

Hoje, domingo, 7 de junho de 2020, saímos às ruas para reivindicar nossa proximidade com todos os explorados e exploradas que tiveram a 
coragem de dizer basta sobre esses abusos e retomaram sua dignidade e liberdade.

Não é um problema de racismo, é um problema de guerra de classes!

Grupo Anarquista "M. Bakunin" - FAI/IFA

Tradução > Liberto

agência de notícias anarquistas-ana


Mais informações acerca da lista A-infos-pt