(pt) Spaine,CGT Murcia: Breve revisão da ação da CGT-Múrcia durante o ano de 2019,9 de janeiro de 2020 (en, it, pt) [traduccion automatica]

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Terça-Feira, 14 de Janeiro de 2020 - 06:46:24 CET


Analisamos brevemente as principais ações e realizações do Sindicato Único da Confederação Geral do Trabalho (CGT) da região de Múrcia ao 
longo do ano de 2019. Nossa ação foi desenvolvida em várias empresas e setores, como Correos, La Manga Club , Bombeiros, Ambulâncias, 
Rebocadores, Ferrovias, Transportes, Limpeza no Hospital Arrixaca, etc., sem esquecer a luta feminista e a disseminação da cultura 
libertária. ---- O ano em que começamos com vários conflitos abertos, entre eles a luta em Correos pela criação do Comitê de Saúde e 
Segurança Ocupacional, que não era constituído no La Manga Club há 3 anos pela recuperação dos direitos assumidos durante a crise, a vitória 
no Consórcio de bombeiros para reverter a terceirização do Serviço de Prevenção de Riscos Ocupacionais ou a longa luta na Ambulancias 
Martínez, concessionária de ambulâncias em Cartagena, que cometeu todo tipo de indignação com a dignidade dos motoristas, assédio sindical, 
fraude da Previdência Social etc com a cumplicidade do governo regional. Graças à nossa luta, a empresa foi negligenciada no novo concurso e 
não continuará a prestar o serviço depois de mais de 30 anos ...

Em 8 de março, demos cobertura à Greve Geral feminista, que foi um grande sucesso, com, possivelmente, a maior manifestação da história da 
cidade de Múrcia que trouxe mais 125.000 pessoas às ruas. O feminismo está mudando nossa sociedade e sua luta transforma não apenas a ordem 
cultural, mas também as relações capitalistas. A luta das mulheres é uma luta pelos valores de igualdade, liberdade, justiça e cooperação 
que inspiram nosso modo de ser. Um sinal de que Múrcia não está voltando a posições reacionárias, mas que precisamos apenas de organização 
para avançar em direção a uma sociedade melhor.

O ano continuou com a confirmação da liderança da CGT nos rebocadores do porto de Cartagena, onde reunimos todos os Delegados de Pessoal e a 
colaboração com a associação de estudantes FAE na campanha por um transporte público e de qualidade.

O último período de quatro meses foi marcado pela campanha permanente na Renfe para um transporte público e ferroviário de qualidade que 
represente um eixo-chave no transporte do futuro. Os desafios climáticos devem nos fazer repensar o transporte de mercadorias e pessoas, e o 
trem representa um meio muito eficiente. Mas, para isso, não pode estar sujeito à ganância dos empreendedores, deve ser organizado por 
critérios sociais e sustentáveis.

Em novembro, organizamos uma série de apresentações de livros, conferências, música e uma exposição fotográfica, sob o nome de libertário de 
novembro, com o objetivo de divulgar a rica cultura libertária da qual somos herdeiros e hoje ainda está presente na maneira de entender O 
mundo de muitas lutas e correntes.

Encerramos o ano com a criação da seção sindical no serviço de limpeza dos hospitais de Múrcia, que reúne metade da força de trabalho, o que 
nos leva a encerrar o ano confirmando o aumento da associação, representação e colaboração com outras organizações Social da região de Múrcia.

No meio dessas tempestades negras, há um raio de luz, a capacidade dos homens bons de inventar soluções para os problemas é infinita, 
precisamos apenas de um pouco mais de organização, um pouco menos de individualismo, um pouco mais de compromisso.

https://www.cgtpv.org/federacions-locals/murcia/breve-repaso-a-la-accion-de-cgt-murcia-durante-el-ano-2019


Mais informações acerca da lista A-infos-pt