(pt) [Chile] Santiago: 111º Dia de Revolta Social -- Semana de 30 de janeiro a 6 de fevereiro. AS INSISTENTES FAÍSCAS INSURGENTES! By A.N.A. (en)

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Quarta-Feira, 12 de Fevereiro de 2020 - 08:32:03 CET


Durante o fim de semana em várias partidas de futebol aconteceram enfrentamentos entre torcidas e a polícia, como do lado de fora do Estádio 
Nacional e em San Carlos de Apoquindo. Em Quillota houve distúrbios e barricadas fumegantes. Faixas, cânticos contra o governo, invasões no 
campo de jogo e brigas com os esbirros e inclusive com torcidas dos mesmos clubes que reprovavam os protestos. ---- Na Praça da Dignidade no 
sábado e no domingo encapuzadxs interceptaram um ônibus lançando-lhes pedras, no domingo se chegou mais longe e um ônibus foi parcialmente 
incendiado. Tudo isto apesar das poucas pessoas que participam dos protestos durante esses dias. Também há discussões entre xs mesmxs 
manifestantes por pedir dinheiro aos motoristas que transitam pela zona zero.
Na comuna de Pudahuel a raiva não se acaba e incendeiam um ônibus de transporte público, assim como em La Pincoya.

Em Melipilla, no sábado, uma tentativa de expropriação coletiva a um supermercado termina com quatro esbirros feridos, um de bala na virilha 
e três com impactos de espingardas na cara, pescoço e braços.

No domingo, centenas de ciclistas chegam para protestar fora da casa da juíza que resolveu o caso do assassinato de "Neco" e deixou com 
assinatura semanal o esbirro.

O Governo anuncia a instalação de centenas de câmeras com reconhecimento facial nas ruas. Nos festivais de verão vaiam o animador fascista e 
patrão de fundo "Kike" Morandé e apedrejam sobre o cenário um humorista por ser misógino e machista, obrigando-o a retirar-se.

Na segunda-feira, uma emboscada na Praça da Dignidade termina com mais de trinta encapuzadxs detidxs.

Na segunda e terça-feira, estudantes protestam contra a PSU (Prova de Seleção Universitária) em sua terceira jornada, distúrbios e pequenas 
escaramuças são registrados fora dos locais. Também protestam dentro de várias estações do metrô e o pânico se apodera dos encarregados, que 
ordenam fechá-las.

A polícia capacita militares, marinheiros e agentes da aviação em táticas antidistúrbios, as forças armadas gastam milhões em implementos 
para o controle social.

No Congresso rechaçam a acusação constitucional contra o intendente Guevara, alguns senadores de oposição se ausentam ou se abstêm. Por 
falta de quorum o intendente (acusado de violência intrafamiliar) fica impune pelxs milhares de feridxs que resultaram pela aplicação de sua 
tática de "copamiento" na Praça da Dignidade.

Graves incidentes na partida da Universidade de Chile pela Pré-Libertadores, enfrentamentos entre barras bravas[torcedores]e esbirros fora 
do Estádio Nacional, na galeria uma cabine arde enquanto se continua jogando.

Torcedores do Südkurve de Zürich abanam lenços em solidariedade e memória do "Neco" e Ariel. Encapuzadxs atacam uma igreja presbiteriana em 
Antofagasta.

Em outro caso de golpe grupal dos sicários do Estado, um jovem hospitalizado denuncia que pelo menos seis uniformizados o golpearam e 
deixaram com um pulmão perfurado, isto ocorreu em Puente Alto.

Na quarta-feira a noite um indivíduo desce de seu carro e ameaça com uma pistola a membros da "La primera línea". Isto ocorre justo frente 
ao lugar onde assassinaram o "Lambi", ao partir faz um disparo. Na madrugada um grupo de desconhecidxs incendeia três ônibus da locomoção 
coletiva em Recoleta.

Um ancião de 73 anos ameaça com um revólver xs passageirxs de um ônibus vociferando contra os protestos, é insultado pelo condutor e xs 
passageirxs.

Na quinta-feira dezenas de arranjos florais dão vida e cor à Praça da Dignidade. São em homenagem a todxs os nossxs mortxs durante a Revolta 
Social.

Um dos policiais do grupo que assassinou a golpes a Alex Nuñez, admite que seus colegas combinaram para declarar contra ele no caso. Alex 
foi assassinado pelos agentes em 20 de outubro de 2019 em Maipu.

Enquanto você lê este relato o presidente do Chile sai de férias...

NADA ACABOU, TUDO SEGUE.

Giannis Michailidis e Konstantina Athanasopoulou capturadxs na Grécia... Esta também vai por vocês.

Natalia Tapia

Tradução > Sol de Abril

Conteúdo relacionado:

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2020/02/04/chile-santiago-105o-dia-de-revolta-social/

agência de notícias anarquistas-ana


Mais informações acerca da lista A-infos-pt