(pt) [Escócia] Stuart Christie: uma celebração de amizade em memória de um famoso ativista Por Frank McNab By A.N.A.

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Sábado, 29 de Agosto de 2020 - 08:04:29 CEST


STUART Christie, que morreu no último sábado (15/08), foi um pensador e ativista anarquista de renome internacional, mais conhecido pelo 
atentado à vida de Franco em 1964, quando ele tinha 18 anos. Ele também foi meu amigo. No curto período de tempo que o conheci, ele 
demonstrou a qualidade prática que você esperaria de um garoto de Partick. Mas que garoto de Partick! ---- O idealismo juvenil e o aço ainda 
estavam muito evidentes, embora endurecidos e forjados na caldeira da experiência. Onde a maioria tinha sonhado e passado para o próximo 
sonho, Stuart sonhou e, então, agiu de acordo com o sonho. Ele demonstrou uma real cordialidade e um entusiasmado interesse sobre o que eu 
tinha a dizer. Seu ensinamento e experiência brilhavam através de sua conversa e, a despeito de ser muito modesto em relação a suas 
experiências pessoais, eu estava extremamente consciente de que, quando eu conversava com ele, eu falava com um homem que tinha vivido umas 
dez vidas em comparação com a minha.

A última vez que falei com ele foi quando almoçamos no Glasgow Art Club, pouco antes do lockdown. Lembro-me de estar explicando minhas 
preocupações com o envelhecimento do meu cachorro Humphrey, e Stuart gastou um bom tempo debatendo como ajudar o cão e dar apoio a ele. 
Perguntei sobre suas memórias visuais mais marcantes do tempo na prisão Carabanchel de Franco, pois eu tinha a vaga ideia de uma imagem 
baseada em seu tempo lá. Ele quase pintou o quadro para mim com palavras. Ele descreveu alguém sendo levado ao longo de um corredor no meio 
da noite, passando por sua cela, a caminho da execução por garrote no porão da prisão. O prisioneiro era um cigano alto, os guardas eram 
praticamente anões perto dele, e o governador estava usando seu melhor uniforme com todas suas medalhas brilhantes tilintando em seu peito, 
enquanto a procissão seguia o murmurante padre ao longo do mal iluminado corredor. Isto ainda está para ser pintado em tela, mas permanece 
vivo em minha imaginação. Será meu tributo pessoal a um homem que representa o mais alto nível possível de comprometimento político e 
integridade.

Stuart também figura em outra composição na qual estou engajado no momento, uma grande pintura retratando um grupo de amigos com interesses 
artísticos e políticos compartilhados, que se encontram regularmente em Partick. Ela vai se basear na obra "Vocação de São Mateus", de 
Caravaggio. Descobriu-se que vários membros do grupo conheciam Stuart e ficamos maravilhados quando, com muito humor e entusiasmo, ele 
literalmente concordou em entrar no quadro. Essa pintura será a celebração da amizade e sentimento em comum. Quando estiver finalizada no 
próximo mês, a presença de Stuart nela vai nos acrescentar um pungente sentimento.

O desenho aqui apresentado é minha representação de um jovem Stuart contemplando a perigosa ação que ele empreendeu na Espanha. Ele está 
vestido na moda para a época, 1964. Atrás dele, na parede, um símbolo da Cruz Negra, organização que ele ajudou a criar para dar apoio a 
prisioneiros do regime fascista de Franco. Através da janela está o café da rua em Madri onde ele foi preso pela polícia secreta de Franco, 
treinada pela Gestapo. Nas palavras do poeta Konstantinos Kavafis:

"Honra àqueles que, na vida que levam,

definem e defendem uma Termópilas.

Nunca traindo o que é certo,

consistentes e justos em tudo que fazem."

Fonte: https://www.thenational.scot/news/18659914.stuart-christie-celebration-friendship-memory-famous-activist/

Tradução >> Erico Liberatti

Conteúdos relacionados:

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2020/08/20/franca-stuart-christie-o-companheiro-o-amigo/

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2020/08/18/reino-unido-stuart-christie-1946-2020-ativista-anarquista-escritor-e-editor/

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2014/08/18/reino-unido-o-britanico-que-quis-assassinar-franco/

agência de notícias anarquistas-ana


Mais informações acerca da lista A-infos-pt