(pt) federacao autonoma FAT: Suspensão de mais de 03 mil contratos na educação em meio a crise de saúde pública, em Goiânia

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Quarta-Feira, 22 de Abril de 2020 - 08:23:40 CEST


Na última segunda feira, 13/04, a Prefeitura de Goiânia, emitiu um decreto com a suspensão dos contratos na educação, além da retirada do 
Vale Transporte (VT) e Vale Locomoção (VL) para centenas de trabalhadores. Tais ações foram justificadas devido à crise orçamentárias e de 
saúde pública. ---- Em um momento que há um caos na saúde pública e milhares de trabalhadores já se encontram sem renda, além de não 
receberem o auxílio emergencial devido à burocracia do Estado, o prefeito Íris Rezende, de forma criminosa e oportunista, retira a renda 
básica de mais de 03 mil famílias, deixando pai e mãe de família sem nenhum salário para sobreviver à quarentena e após esse período. 
Ademais, milhares de trabalhares de trabalhadores, sobretudo, os administrativos terão suas rendas diminuídas com a retirada do vale 
transporte. E onde a prefeitura aplicará esse valor do vale transporte?

É inaceitável a ação covarde e desumana que a prefeitura de Goiânia cometeu com os trabalhadores, repassando dinheiro público para as 
empresas privadas e bancos aumentarem seus lucros em meio à crise do CONVID-19.

Nesse sentido, reivindicamos a recontratação de mais de 03 mil trabalhadores da educação e garantia dos direitos trabalhistas dos servidores 
bem como a revogação do decreto n° 896.

O trabalhador não pagará pela crise de saúde pública! Que os ricos e o Estado paguem!

Solidariedade e ação direta neste momento de crise de saúde pública! Só o povo salva o povo!

https://federacaoautonoma.wordpress.com/2020/04/14/suspensao-de-mais-de-03-mil-contratos-na-educacao-em-meio-a-crise-de-saude-publica-em-goiania/


Mais informações acerca da lista A-infos-pt