(pt) luta fob: [FOB-SC] Sem luta, não há vitória

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Domingo, 22 de Setembro de 2019 - 08:46:22 CEST


Por que ainda acreditamos em uma REPRESENTAÇÃO que não organiza seus filiados? Por que 
esta representação sindical sempre substitui os VERDADEIROS interesses da classe 
trabalhadora pelos interesses da burocracia sindical/partidária? Por que nossos 
verdadeiros interesses não são COLOCADOS À FRENTE nas pautas de lutas? Por que ano após 
ano entregamos nossa força de combate ao APARELHO sindical/partidário, cedendo pautas da 
vida real aos delírios das campanhas eleitorais burguesas? Por que perdemos dia após dia 
nossos direitos e não REAGIMOS ao imobilismo da estrutura burocrática sindical/partidária?
Onde estão nossos benefícios que nos garantem um pingo de dignidade no dia a dia? 
Precisamos de vale-alimentação compatível com a realidade; transporte gratuito para 
deslocamento entre escolas e municípios; salário garantido por 12 meses no ano; jornada de 
trabalho compatível com a organização didático-pedagógica, para que o trabalhador da 
educação possa realizar seu trabalho com saúde e adequação à realidade escolar; estrutura 
escolar adequada; autonomia de organização; entre muitos outros direitos.

Estas poucas perguntas e esse quadro de situações que não vivemos em nossos cotidianos, 
colocam a necessidade de repensar nossa organização:

Por que sustentamos uma estrutura sindical que caducou?

A resposta é simples: não há necessidade de sustentar essa estrutura. Podemos e devemos 
constituir nossa representação autônoma, independente e democrática. Abandonar as velhas 
formas de construir luta é o primeiro passo para nossa emancipação. Podemos e devemos 
construir estruturas de organização e representação horizontais em conjunto com a 
comunidade escolar. A luta por educação pertence a quem faz e participa ativamente no 
espaço escolar.

Se desejamos:

?   avançar nos direitos e benefícios necessários para nossa emancipação;

?   construir perspectivas coletivas, igualitárias e horizontais de representação,

?   espaços escolares livres;

?   representações sindicais democráticas e centradas na decisão dos trabalhadores;

?   independência de partidos e governos da ordem burguesa;

Venham construir o

Círculo Autônomo de Trabalhadores da Educação - CATE

O CATE é uma construção com o conjunto dos trabalhadores da educação e comunidade escolar 
que visa a ser alternativa de luta frente à burocracia sindical/partidária do SINTE.

O CATE se apresenta como instrumento dos trabalhadores da educação e da comunidade escolar 
para organizar a luta pela base, para quem está dentro da sala de aula e no cotidiano 
escolar. Será construído por quem sofre com a falta de transporte gratuito para poder ir 
trabalhar, por quem sofre com a falta de um vale-refeição digno, por quem sofre pela falta 
de vagas nas escolas, por quem vive dentro de estruturas arcaicas e ultrapassadas no 
ambiente escolar, por quem está cansado de ver velhos dirigentes sindicais negociando às 
nossas costas nossos direitos e nossas conquistas.

O CATE se coloca como espaço aberto e horizontal, livre de empresas, políticos e partidos 
eleitorais. Desejamos formar um grande grupo solidário, combativo e representativo.

FUNDO DE APOIO MÚTUO

Todos sabemos que educação de qualidade só é possível quando existem boas condições de 
vida e de trabalho para os professores e funcionários de escola. Hoje a maior parte de nós 
sofre com a instabilidade dos contratos temporários. Os professores temporários da rede 
federal devem ficar 2 anos sem novo contrato com a união e muitas vezes demoram para 
conseguir se inserir na rede estadual e municipal. Na rede estadual, todos os contratos 
são encerrados em 21 de dezembro, o que significa que muitas famílias de educadores passam 
3 meses por ano sem sustento. Florianópolis tem uma das cestas básicas mais caras do país 
e os preços das contas e alimentos não param de subir!

Diante dessa calamidade, os sindicatos oficiais só nos falam de burocracia e os governos 
só falam de empreendedorismo. A solidariedade só pode ser construída por nós.

O CATE propõe a construção de um fundo de contribuições voluntárias que sirva para ajudar 
as famílias de trabalhadores no pagamento de suas contas e compras básicas durante os 
períodos de fim de contrato.

Abandone as velhas formas de representação sindical e venha construir a luta conosco!

Convidamos para a plenária independente do Círculo Autônomo de Trabalhadores da Educação.

Pauta: Reivindicações dos trabalhadores precarizados; Ações e campanhas de luta; 
Construção do fundo de apoio mútuo.

19 de setembro, 18h30min, no Auditório do IFSC

https://lutafob.wordpress.com/2019/09/18/fob-sc-sem-luta-nao-ha-vitoria/


Mais informações acerca da lista A-infos-pt