(pt) [Argentina] A FORA informa sobre a libertação de Juan Carlos Giménez By A.N.A.

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Domingo, 24 de Novembro de 2019 - 08:17:29 CET


Juan foi libertado. Isto aconteceu graças à pressão do conjunto de companheires, 
advogados, e organizações de direitos humanos que se pronunciaram solidariamente, a 
pressão feita no consulado argentino no Chile, que se obrigou a comprometer-se com esta 
causa, a pressão feita no consulado chileno na Argentina, os recursos de amparo 
apresentados pela advogada da organização Comunes do Chile, a fraterna solidariedade das 
organizações que durante todo o dia se comprometeram com a difusão da condição de detido 
de nosso companheiro, ao Serpaj do Chile e a Correpi que enviaram advogados com o fim de 
agilizar a colocação em primeira instância e a libertação como objetivo. ---- Juan se 
encontra física e psiquicamente bem, após ter estado 24 horas na qualidade de detido no 
marco da greve geral realizada por centenas de organizações e milhares de trabalhadores e 
trabalhadoras.

A repressão ao povo chileno é uma constante após quase 30 dias de manifestações e luta 
contínua contra Piñera que se encarniçou com o movimento social que pede sua renúncia, não 
discrimina ao reprimir e o companheiro Juan foi vítima desta situação, da qual sai com um 
balanço positivo, dado que não tem motivo para ser acomodar, e só resta esperar sua volta 
para que se reencontre com sua companheira e filha.

A inabalável luta do povo chileno foi um motor que nos levou a reproduzir essa 
solidariedade e não cruzar os braços para tecer redes de comunicação com o país vizinho 
como para o conjunto de organizações que se solidarizaram com o fato. Avaliamos a atuação 
de companheires de outras organizações como Nicolas da Convergência Socialista de Combate, 
que em um ato totalmente desinteressado atuou como um companheiro de nossa organização 
estando lá no Chile. Agradecemos a assessoria da advogada Nicole Soto da organização 
Comunes, que foi fundamental neste processo pela liberdade de Juan. A Frente de 
Organizações em Luta (FOL), lugar onde Juan também tem uma participação ativa e foi uma 
organização que se solidarizou emitindo um documento e pondo à disposição para realizar se 
fossem necessárias mobilizações ou atos públicos, e a todas as organizações que aderiram a 
nosso documento exigindo a liberdade.

Isto demonstra que os atos solidários particularmente em um momento culminante são de uma 
relevância que se tornam transversais à luta cotidiana que nós militantes realizamos por 
um mundo novo.

Solidariedade entre povos!
A revolução dos trabalhadores será obra deles mesmos!
Pela liberdade de todos os presos políticos e sociais no Chile!

Conselho Federal, da Federação Obreira Regional Argentina (F.O.R.A.)
Buenos Aires, 14 de novembro de 2019

Tradução > Sol de Abril

Conteúdo relacionado:

https://noticiasanarquistas.noblogs.org/post/2019/11/13/argentina-companheiro-da-fora-e-detido-durante-greve-geral-no-chile/

agência de notícias anarquistas-ana


Mais informações acerca da lista A-infos-pt