(pt) France, Union Communiste Libertaire - Comunicado de apoio às mobilizações do povo catalão (en, fr, it)[traduccion automatica]

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Domingo, 3 de Novembro de 2019 - 08:04:09 CET


Mais uma vez o povo da Catalunha desceu pelas ruas. As mesmas pessoas que, há dois anos, 
saíram para defender a convocação de um referendo popular pela independência. O Estado 
espanhol havia respondido com repressão. A resposta popular foi a greve geral convocada 
pelo Intersyndical-CSC e IAC e seguida pela CGT, CNT e Solidarité Ouvrière, com o apoio do 
EMBAT e de outras organizações do campo anarquista, que emitiu neste momento, uma 
declaração clara e muito lúcida sobre o processo e a luta em andamento. ---- Dois anos 
depois, o estado espanhol condena os principais funcionários do governo catalão burguês. 
Este ato mobilizou todo o povo catalão contra o governo da monarquia constitucional 
espanhola, que respondeu, mais uma vez, com uma repressão feroz da mão da polícia catalã, 
os Mossos de Esquadra [1]., conhecido por sua brutalidade. A sentença contra os 12 
políticos catalães marca um ponto de virada na repressão judicial geralmente aplicável, 
porque eles são condenados por "sedição" que pode incluir quaisquer manifestações públicas 
e, portanto, é em toda a Catalunha e em toda a Espanha - está sendo implementado um regime 
autoritário que visa conter protestos sociais. É por isso que uma situação real de 
desobediência popular se desenvolveu e as ruas foram massivamente investidas pelo povo.

O problema não se limita à independência da Catalunha. Foi a constituição de 1978 e o 
Pacto de Moncloa, que criaram uma ordem política, jurídica e econômica que deixou intactos 
os principais elementos da ditadura de Franco e garantiu a impunidade dos genocidas, com o 
apoio favorável de a esquerda eleitoral. As mobilizações dos últimos dias colocam de volta 
à cena as demandas relacionadas ao trabalho, as de melhor educação, de melhor saúde, as de 
despejo das casas e todas as demandas populares recentemente apoiadas. Eles demonstram a 
exasperação do povo diante de tanta desapropriação e desprezo pelas demandas populares por 
parte dos que estão no topo e, em particular, do estado espanhol - mas também da burguesia 
catalã.

Como parte dessa luta, nossos companheiros da EMBAT (organização política específica da 
Catalunha), da CGT da Catalunha, da CNT e da Solidaridad Obrera estão na vanguarda e 
impulsionam as mobilizações, colocando no centro os temas sociais e popular. E promovendo 
o desenvolvimento de organizações populares de base e a mobilização das organizações de 
baixo. Todo o nosso apoio vai para os camaradas anarquistas, anarco-sindicalistas e 
libertários organizados na Catalunha !

Esta mesma Catalunha, que desempenhou um papel de liderança na gloriosa revolução 
espanhola e a estendeu a outras regiões deste território, aos pés da coluna Durruti, está 
viva e bem hoje !

Toda a nossa solidariedade e apoio ao povo catalão e a todos os povos que resistem ao 
abuso, onde quer que venham, e que lutam por outra sociedade.

Para a construção do poder popular !
Pelo socialismo e pela liberdade !
Viva aqueles que estão lutando !

[1] força policial da Catalunha

https://www.unioncommunistelibertaire.org/?Communique-de-soutien-aux-mobilisations-du-peuple-catalan-8396


Mais informações acerca da lista A-infos-pt