(pt) [Curitiba-PR] Formação sobre Sindicalismo Revolucionário By A.N.A.

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Sábado, 6 de Abril de 2019 - 09:15:56 CEST


As disputas eleitorais de 2018 assumiram uma grande polarização com o ascenso da 
candidatura de extrema direita da chapa Bolsonaro-Mourão/PSL/PRTB. Apesar de seu discurso 
de ódio e suas propostas ultraliberais, de privatização de todas as estatais e da retirada 
de direitos com a Reforma da Previdência e recrudescimento da Reforma Trabalhista, a chapa 
Bolsonaro-Mourão/PSL/PRTB conquistou a corrida pelo presidência no segundo turno. 
Iniciamos 2019 sob ataques e tendo uma esquerda sindical e partidária incapaz de dar 
respostas a altura devido a está compromissada com a manutenção da ordem burguesa. A 
reconstrução do Sindicalismo Revolucionário surge com o objetivo de não só romper com a 
pratica sindical que conhecemos, mas principalmente romper com a ordem burguesa que desde 
sempre possui seus fieis servos na esquerda reformista e na direita.

30 anos após a reabertura democrático-burguesa, vemos uma chapa formada por nomes 
remanescentes do regime civil-militar chegar ao poder através da via democrática burguesa. 
A ascensão da extrema direita nas eleições abre um período de maior repressão às 
organizações da classe trabalhadora e se trata de um processo em curso de fascistização da 
sociedade que já estava dado independente do resultado das urnas. Nessa conjuntura de 
avanço do conservadorismo a burguesia aproveita para avançar sobre os direitos do povo, 
aumentando a exploração e a opressão, levando ao aceleramento da luta de classes e de 
aumento da repressão sobre o povo em luta.

Vivemos um momento que exige a organização imediata dos setores mais oprimidos da classe 
trabalhadora e a ruptura com os velhos métodos da esquerda reformista e de seus 
sindicatos/movimentos burocratizados. É com esse objetivo que nós convidamos você a 
participar da nossa Formação no próximo dia 06 de Abril na grande Curitiba. Entendemos que 
recuperar as tradições da luta direta do povo é condição necessária para o avanço das 
organizações e das formas de resistência proletárias. E a luta antifascista é parte da 
história da classe trabalhadora e legado do Sindicalismo Revolucionário.

Resistir e avançar nas lutas até a Greve Geral Insurgente para derrotar definitivamente o 
fascismo e o sistema que o criou: o capitalismo. Hoje a classe trabalhadora brasileira 
encontra-se diante do desafio colocado pela revolucionária alemã Rosa Luxemburgo: 
SOCIALISMO OU BARBÁRIE.

O SINDICALISMO REVOLUCIONÁRIO É O CAMINHO PARA O SOCIALISMO!

Faça sua inscrição:

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSd1XocyP6_0MP9jXzZKMw-1DxBYPdVZfT7FG5GADTnGg9m8KA/viewform?usp=sf_link&fbclid=IwAR1WOardKkBVdOoJsn3ClSxoggzInc3EDVv44h98VC7m2nzEGAEF7PK7Hs4

lutafob.wordpress.com

agência de notícias anarquistas-ana


Mais informações acerca da lista A-infos-pt