(pt) [Espanha] Fuenlabrada: Jornadas feministas 2018 By A.N.A.

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Quinta-Feira, 17 de Maio de 2018 - 08:09:35 CEST


OBRIGADA! MUITO OBRIGADA! ---- Com as Jornadas Feministas de hoje, 22 de Abril, a CNT de 
Fuenlabrada gostaria de destacar a gratidão que sentimos, uma vez mais, ante todas as 
pessoas que fizeram de hoje um dia especialmente grande. ---- Muito obrigada a todas as 
pessoas que quiseram participar ativamente do que oferecemos hoje, pela atitude solidária 
e o desejo de aprender, valorar e visibilizar o problema que supõe viver sob o jugo do 
patriarcado. ---- Obrigada às muito, MUITO GRANDES MULHERES que nos mostraram ao longo do 
dia os efeitos primários (secundários, terciários) do machismo de que cada uma de nós 
somos testemunha e vítima somente pelo fato de sermos mulheres, através da arte da poesia, 
da música, do humor, do pensamento e da reflexão desde a perspectiva feminista que tanta 
falta faz em nossos dias. ---- Obrigada Rakkel por suas belas, reais e diretas palavras 
nascidas do manancial de suas experiências e por compartilhar conosco. E obrigada a Enma 
Lindale por dar melodia e acompanhar as letras com a arte de sua música.

Obrigada a Pamela, a grande e reconhecida Pamela Palenciano, que apesar de saber como 
contar com humor o que não tem nem um pingo de graça, sempre se abre para lançar uma 
mensagem tão valiosa quanto a própria vida, contando-nos através de sua desgarrada 
experiência e da força que esta mesma lhe dá para continuar a luta, para erradicar o que a 
todas não parece justo.

Obrigada a todas do Teatro Feminista por sua inovadora obra "Deixando-nos dançar", que nos 
encantou, divertiu, conscientizou e, sobretudo, nos deu esperança nas novas gerações que 
parecem ter cada vez mais claro como reconhecer, inclusive antes de sofrer, qualquer tipo 
de discriminação ou maus-tratos machistas (o futuro promete).

Obrigada a Lalola por se sentar diante de nós com sua naturalidade próxima e nos contar 
com golpes de acordes e rimas como enxerga a vida, como sofre a realidade do entorno 
social, político e patriarcal que nos rodeia e usa sua letra para denunciar as causas 
silenciadas e injustas jamais invisíveis graças a pessoas como ela.

E por último, mas não menos importante, muito obrigada a todas que cozinharam, atenderam 
ao balcão, prepararam o espaço, levantaram e baixaram cadeiras, que varreram e esfregaram, 
que compraram e transportaram, por todo o trabalho militante, consciente e de coração sem 
o qual seria impossível levar a cabo dias TÃO ESPECIALMENTE GRANDES como o que vivemos hoje.

Como sempre, um prazer.

Obrigada A TODAS.

Mais fotos: 
http://cnt-ait.net/fuenlabrada/2018/04/23/jornadas-feministas-2018-cnt-fuenlabrada/

Tradução > Liberto


Mais informações acerca da lista A-infos-pt