(pt) [Grécia] Chamado a Manifestação Pan-balcânica de Solidariedade Internacionalista By A.N.A.

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Domingo, 11 de Março de 2018 - 09:10:03 CET


NENHUM NOME DOS DIVIDE -- NENHUMA NAÇÃO NOS UNE -- PROLETÁRIXS NÃO TÊM PÁTRIA MÃE ---- O 
ressurgimento da "questão macedônica" tem sido uma rara oportunidade para todo tipo de 
escória nacionalista e fascista tomar espaço no discurso público e tentar promover seus 
planos políticos sanguinários. Os comícios nacionalistas em Tessalônica e Atenas servem 
exatamente a este propósito. ---- Se tornou óbvio, mesmo para a pessoa mais ingênua, que o 
caráter supostamente apartidário e apolítico do comício, promovido com tanto afã pela 
mídia de massa, era simplesmente uma pele de cordeiro disfarçando a besta que se esconde 
abaixo; a besta que - como demonstrou - não precisa de muito para sentir confiança e 
revelar sua face verdadeira. No comício nacionalista em Tessalônica, em 21/01, grupos 
fascistas atacaram o Espaço Social Livre "Escola" (onde foram repelidos), assim como na 
okupa Libertatia (onde tentaram incendiar o prédio convenientemente acobertados por 
policiais que estavam presentes). Também tentaram atacar um encontro anti-nacionalista em 
Kamara, enquanto no mesmo dia o Aurora Dourada prosseguia com a profanação do Memorial do 
Holocausto Judeu. Além disso, no fim do respectivo comício em Atenas, em 04/02, atacaram o 
Teatro Livre Autogerido "EMPROS" (onde também foram repelidos por seus membrxs). 
Felizmente, entretanto, os reflexos antifascistas do movimento não permitiram que 
expandissem mais tais ações.

NENHUM ATAQUE FASCISTA PERMANECERÁ SEM RESPOSTA

Nós oprimidxs e exploradxs não temos porque nos dividir. Nossos opressores são os mesmos e 
possuem os mesmos nomes, independente de sua nacionalidade; não são outros além do Estado 
e do Capital. Precisamos, portanto, lutar junto axs oprimidxs e exploradxs de todos os 
países de forma a criar um front comum internacionalista que fará crescer uma barreira ao 
nacionalismo e fascismo; um front no qual declaremos o mais alto possível que não iremos 
permitir que os patrões nos dividam com base em nacionalidade, cor, orientação sexual, 
sexo, religião ou quaisquer termos de segregação, um front comum determinado a lutar por 
uma vida sem Estado, classe e nacionalismo.

MANIFESTAÇÃO PAN-BALCÂNICA

DE SOLIDARIEDADE INTERNACIONAL

TESSALÔNICA

Sábado, 10/03

12h00, ?amara

Federação Anarquista

Fonte: https://athens.indymedia.org/post/1584719/

Tradução > Imprensa Marginal


Mais informações acerca da lista A-infos-pt