(pt) cnt.es aragon:[CNT-Salud] 21A concentração contra a privatização da lavanderia do Clínico pela CNT-Zaragoza (ca, it) [traduccion automatica]

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Segunda-Feira, 20 de Agosto de 2018 - 13:11:07 CEST


Nesta terça-feira, 21 de agosto, às 10 da manhã, a CNT, juntamente com outros grupos, 
convocou uma manifestação contra a privatização da lavanderia do hospital da Clínica. A 
concentração ocorrerá antes da porta principal do próprio centro médico. ---- Reproduzimos 
aqui o manifesto comum assinada pelos diferentes grupos convocadores: ---- NOVO ATAQUE 
SOBRE SAÚDE E DIREITOS EM ARAGON ---- laborare Novamente, com premeditação e malícia 
AGOSTOSIDAD premeditada, os políticos do Departamento de Saúde DGA, nos impõem uma tragala 
de PRIVATIZAÇÃO da infra-estrutura do nosso Sistema Aragonês de Saúde. ---- Desta vez não 
deixaram há anos deteriorar H.C.U.L.B lavandaria (Universitario Lozano Blesa Hospital), 
para dá-lo em uma só penada, incluindo grandes somas de dinheiro para uma empresa privada. 
Três milhões de € de custo e seis milhões de € 100.000 serão pagos. Inclui a extinção de 
quarenta por cento dos empregos, já em grande parte precários, que ninguém defendeu, nem 
sua estabilidade, nem sua segurança no trabalho, nem sua remuneração econômica adequada.

Estamos de volta a um ataque brutal no público, perpetrado por aqueles que deveriam gerir 
e defender, como no anterior e o atual ministro da Saúde da DGA, Pilar Ventura (PSOE).

não são apenas números arbitrários de projecto de consultoria alemã, refletidos nas 
especificações, mas a história da privatização demonstrado amplamente, no caso Inglês, 
como no caso do Estado espanhol (Andaluzia, Madrid, Valencia , Catalunha). Em Aragão a 
experiência privatização da CASAR lançou € vinte e quatro milhões faltando, gerido pelo 
ex-diretor, Sebastián Celaya, que é o que preparou esta privatização, que demonstrou 
amplamente a superação custo econômico, a falta de organização do controle, a insegurança 
do emprego, o falência do doente, o aumento de seus sofrimentos e a morte antecipada.

Onde está o estudo da viabilidade social e econômica do projeto de privatização?

Hoje, o que já sabíamos e dizemos desde o início já está demonstrado:

PRIVATE MATA.

Onde o Ministério da Saúde Regional apresentou as contas do projeto? E sua viabilidade 
econômica e efetiva para pacientes?

Uma empresa privada que cobra por quilo de roupa, nunca procurará o bem-estar do paciente, 
mas para seu próprio lucro, é para isso que serve a empresa privada. (A empresa privada 
cobra por quilo de roupa lavada e não por horas de trabalho).

Acreditamos que a solução para os problemas de H.C.U.L.B lavandaria e nosso Sistema de 
Saúde aragonês, passar por uma nova forma de gestão pública, longe de interesses 
comerciais, capitalistas, políticos e todos os tipos de lobbies.

Somente quando o sistema das portas giratórias e a impunidade dos políticos antes de seus 
delitos terminarem, será possível administrar adequadamente o público, dando a isso seu 
verdadeiro serviço à sociedade.

No estado espanhol há mais de mil e seiscentos acusações, impunes à lei, sejam quais forem.

A deterioração do público acarreta o sofrimento e a morte dos cidadãos. Também um 
desfalque "pseudo legal" de dinheiro público.

É hora de garantir bons benefícios sociais e que o público cubra as necessidades sociais, 
integre toda a população em direitos iguais.

É hora de garantir empregos, estabilidade no emprego, poder de compra.

É hora de desmantelar essa "pseudo-legalidade" que leva à falência social e econômica.

É hora de acordar e deixar de ser manso, diante dos erros daqueles que nos administram mal.

"Não à privatização da lavanderia"

"Laundromat somos todos"

http://aragon.cnt.es/cnt-salud-21a-concentracion-contra-la-privatizacion-de-la-lavanderia-del-clinico/


Mais informações acerca da lista A-infos-pt