(pt) [México] Comunicado 0.1: Destruamos os ídolos do capitalismo. Junho Negro, Oaxaca de Magón. By A.N.A.

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Domingo, 3 de Julho de 2016 - 14:16:57 CEST


Se o Capitalismo esta cheio de ídolos, destruamos todos. Dinheiro, mercadoria, corpos 
repressivos, meios de comunicação, democracia, eleições, políticos e politica. A 
insurreição nos demonstra que o apoio mútuo, a solidariedade e a organização nascem dos 
povos, dos indivíduos, que se encontram sociabilizando para resistir nas barricadas 
dispersas por todas as regiões de Oaxaca. ---- Os bloqueios que se encontram nas estradas 
que conectam a Oaxaca param o trânsito, as mercadorias não circulam, o dinheiro não flui. 
Os hidrocarbonos escasseiam; um ídolo é assediado e é necessária a utilização de outros 
para que tudo volte à normalidade. A chegada de mais efetivos da polícia é a resposta.

Talvez seja esse o ídolo mais poderoso com que conta o Estado-Capital: as forças 
repressivas são a esperança do poder, sempre fiel, sempre assassina. A burguesia e os 
meios a pedem a gritos, argumentam que o fetiche solucionará tudo com sua varinha mágica – 
que na realidade são armas. Mas as pedras do rio, a pólvora dos fogos de artifício, a 
fumaça dos pneus e o fogo devem fazer-lhe frente; esgotar e minimizar até transformá-la só 
em um objeto sem sentido.

Diante disso, os meios vociferaram que a democracia, a governabilidade e a vida do país 
estão em perigo. Mas não é desligando a TV ou o rádio e não lendo os jornais que se 
combate, mas sim com a agitação do povo, a propaganda escrita ou pela ação, a produção de 
nossos próprios conteúdos revolucionários que incitem à revolta.

O conflito fará que os políticos argumentem à paz, ao progresso, ao turismo e busquem na 
política a negociação e a cooptação. Os ouvidos deveram ser surdos e a visão turva para 
evitar a traição. Trataram ao discurso legal como uma arma para persuadir e infundir o 
terror da reclusão. As leis e o direito con


More information about the A-infos-pt mailing list