(pt) France, Alternative Libertaire AL dossier spécial sur l'éducation populaire - Quando os albergues eram subversivos (en, it, fr) [traduccion automatica]

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Segunda-Feira, 28 de Setembro de 2015 - 15:55:11 CEST


Hostels hoje (AJ) são pouco mais do que uma forma de se refrescar hotel ... mas houve um 
momento em que o "hostelling" foi um movimento cultural contra-cheia, que formaram o 
politicamente Dezenas de milhares de jovens. ----------- Os primeiros albergues nasceram 
na Alemanha na década de 1900, na esteira da Wandervogel, um movimento juvenil 
contra-cultural muito focado em caminhadas e de volta à natureza. ---- O conceito é 
importado a partir deste lado do Reno por Marc Sangnier, que em 1929 fundou o primeiro 
albergue da juventude (AJ) ... de inspiração cristã. Seguindo ele, muitos outros estão 
surgindo. Em 1933, secular AJ estão surgindo, patrocinado pela CGT e da Liga da Educação 
Daniel Guerin é um dos facilitadores. ---- Com 40 horas e subsídio de férias obtidos em 
1936, milhares de pessoas se juntar ao movimento, e logo se qualificar como "hostellers", 
que atesta a consciência de pertencer a um movimento separado. Em AJ, há homens e 
mulheres, diversidade de gênero - ousadas para a época - sendo a regra, exceto nos 
dormitórios. Os hostellers animar uma vida forte e fraternal comunidade em torno de 
auto-geridas atividades, debates e conferências, momentos de convívio e culturais - dança, 
teatro, filme ...

Os princípios utilizados são: a democracia, o secularismo, a diversidade, o 
internacionalismo, anti-racismo, trabalho coletivo para o benefício de todos. Este ideal, 
minou a Ocupação, ressurgiu com força para a Libertação. AJ são, então, lugares de 
educação popular reais, impregnadas de espírito libertário e um terreno fértil para 
acusações da esquerda para a stalinismo, incluindo o trotskismo e anarquismo. Natureza e 
cultura, entretenimento e política se misturam alegremente.

Gil Devillard ativista para a FA ea CNT, e um dos líderes da grande greve de 1947, 
Renault-Billancourt, foi um Hostelling freqüente. É neste movimento que foi iniciado no 
método de Karman de praticar abortos clandestinos.[1]

O movimento alberguista, animado, no entanto desperta inveja. Ao final de 1940, um pólo 
gestor paternalista é dia, apoiado pelo Ministério da Juventude e Desportos, pressa para 
esta disciplina juventude muito independente. Um pólo de auto-gestão-militante opõe-se à 
"normalização" induziria a profissionalização da gestão, e espera que o AJ continuam 
sub-utilizando o controle e os usuários. É sobre se funda esta linha os albergues 
Movimento Independente (MIAJ) em 1951 para perpetuar o espírito libertário da Hostelling 
até os anos 1970.

Adeline (AL nordeste de Paris)

[1] Aviso de Gil Devillard na anarquista de Maitron, 2014.

http://www.alternativelibertaire.org/?Quand-les-auberges-de-jeunesse


More information about the A-infos-pt mailing list