(pt) France, Alternative Libertaire AL - Movimento tópica: Alternative Libertaire se engaja na mobilização do clima durante a COP21 (en, it, fr) [traduccion automatica]

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Segunda-Feira, 6 de Julho de 2015 - 11:35:01 CEST


Várias iniciativas emblemáticas estão se preparando para Dezembro: a mobilização da 
Coalizão clima (que terá sua sede no "104", em frente da AL local), Bure campo político 
autônomo entre 1 e 10 de Agosto (que está se preparando através de reuniões entre grupos 
autônomos de toda a França), Alternatiba, e, em menor grau, diminuindo iniciativa (greve 
para a economia). ---- O COP não é uma perspectiva de luta concreta. As negociações 
internacionais são ineptos ou contrária às soluções reais para o clima, e agora o acordo 
de Paris levará a uma renúncia dos Estados para fazer qualquer coisa antes de 2020. Além 
do clima, mais do que uma frente luta, uma batalha está sendo travada principalmente fora 
durante as conferências internacionais dos Estados, em movimentos anti-extrativistas, 
defendendo os agricultores do Norte e do Sul, a luta contra o livre comércio e TAFTA, etc.

Então, para AL, a primeira edição do COP é popularizar as suas propostas para enfrentar a 
crise climática e, mais geralmente, a crise ecológica vem à tona. É também uma importante 
oportunidade de participar (incluindo Paris) a uma série de iniciativas e movimentos.

Por isso, a Comissão propõe a organização ecologia as seguintes áreas de intervenção:

1 - A realização de um 4-páginas, artigos e panfletos para espalhar até dezembro como 
parte de uma campanha nacional de AL, e sempre que possível a organização de reuniões 
públicas locais. Para isso, pretendemos realizar um debate sobre o assunto para os dias de 
verão.

2 - Mandato vários camaradas em um comitê de campanha COP21 para liderar uma campanha em 
primeiro lugar, e também para acompanhar as agendas dos movimentos diferentes, de modo a 
preparar a nossa participação em eventos em dezembro: SI ecologia não pode dar ao luxo de 
assumir apenas os prazos, embora nós sentimos que a organização não pode dar ao luxo de 
perder a sua aparição no COP.

3 - Para a coalizão: AL como todas as organizações políticas não são aceites como tal. 
Single-es seus ativistas, participando individualmente em um coletivo local, pode. Hoje 
enfrentamos dois pontos fracos na coalizão. Em primeiro lugar, a falta de debate político 
dentro dele (discussões se restringem às "ações" com base no slogan comum "não alteração 
do sistema alterações climáticas"). Mais preocupante, há que configura uma rejeição da 
diversidade de práticas e um desejo de impor a não-violência de uma forma dogmática. 
Tememos para resolver um confronto entre as diferentes partes da resistência à COP21.

4 - Relativamente à Bure acampamento, ambição não nos pode deixar indiferentes. Mas vai 
ser difícil Alternativa Libertaire para se cadastrar.

5 - A SI indica que fomos contactados pelo Ensemble! eo NPA para construir uma intervenção 
conjunta registrar organizações políticas no debate sobre ecologia socialista, por ocasião 
da COP. SI oferece a organização para se inscrever na presente proposta.

6 - Finalmente, esta campanha também requer a mobilização de pares em sua coletiva local 
(por exemplo, clima social em Montreuil ou Lyon), sejam eles Coalition local, ou criada 
para o efeito coletivos unitários.

http://www.alternativelibertaire.org/?Motion-d-actualite-Alternative


More information about the A-infos-pt mailing list