(pt) Portugal, Comunicados CNT-E - O Estado Espanhol reprime e persegue manifestantes

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Quinta-Feira, 2 de Janeiro de 2014 - 15:55:46 CET


No passado dia 28 de Novembro, em Espanha, 19 membros de diversos movimentos políticos, 
dois dos quais pertencentes à CNT (Confederação Nacional do Trabalho) e Juventudes 
Libertárias, foram presos e acusados de participarem no ataque contra cinco membros de uma 
associação fascista na Faculdade de Direito da Universidad Complutense de Madrid, durante 
uma manifestação anti-fascista que já vinha sendo realizada há anos a 20 de Novembro. ---- 
A maioria destes 19 presos nem sequer estiveram presentes na manifestação e foram levados 
de suas casas pela polícia, sem explicações, e só foram libertados 30 horas mais tarde, 
após recolhimento dos seus depoimentos e acusação formal de tais crimes como "violação de 
direitos fundamentais, atentado contra a integridade moral, danos e lesões com agravante 
de ódio, etc".

Os meios de comunicação social não perderam tempo a distorcer e exagerar grosseiramente os 
factos, a fim de promover o medo e espalhar entre os cidadãos e movimentos sociais a noção 
de que a dissensão será esmagada com punho de ferro.

A acusação prepara-se para formalizar um pedido de prisão preventiva para os dois membros 
da CNT e JL e de medidas cautelares para o resto dos acusados, o que só vem confirmar a 
natureza repressora e o zelo fanático da tirania estatal espanhola.

Pela liberdade e absolvição dos companheiros perseguidos!

Associação Internacional dos Trabalhadores
Secção Portuguesa - Núcleo de Lisboa
Publicado por AIT-SP


More information about the A-infos-pt mailing list