(pt) Portugal, colectivolibertarioevora, Desocupação e reocupação de casas okupadas em Atenas

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Domingo, 13 de Janeiro de 2013 - 15:50:26 CET


Por volta das 7,30 horas de quarta-feira passada umas cinquenta pessoas atacaram os 
policias que vigiavam o edifício Vila Amalia, que tinha sido desalojado no passado dia 20 
de Dezembro, depois de duas décadas de ocupação. Ao mesmo tempo, uma centena de pessoas 
aproveitou a distracção dos agentes da polícia para voltar a ocupar o edifício.---Entrada 
da polícia no edifício http://www.youtube.com/watch?v=d77KVmwIKDY ---- Os agentes 
antidistúrbios lançaram gazes de lacrimogéneo contra a centena de okupas que não 
ofereceram resistência e que posteriormente foram levados para instalações da polícia. O 
porta voz da policia explicou que 92 vão ser processados. ---- Detenção dos okupas da Vila 
Amalia http://www.youtube.com/watch?v=IbdX9Fm7xds

Depois deste novo despejo, cerca de 45 pessoas ocuparam a a sede do partido Esquerda 
Democrática que apoia o governo conservador da Nova Democracia. Estes manifestantes também 
foram detidos, embora não se saiba ainda se houve a instauração de processos.

Desocupação da sede do Partido da Esquerda Democrática
http://www.youtube.com/watch?v=qgi4aaoVR6c

Vila Amalia era desde há 20 anos um Centro que funcionava de forma autogestionada. A casa 
estava ocupada por movimentos anarquistas, libertários e outros,  e ali se organizavam 
actividades culturais.

Ainda que a sua ocupação fosse ilegal foi tolerada durante todos estes anos, embora nos 
últimos tempos a pressão dos neonazis junto do governo e da polícia, em clara cumplicidade 
em muitos casos, tenha contribuído para acabar com a ocupação.

Esta casa foi repetidas vezes atacada pelos neonazis, uma vez que o movimento anarquista, 
os libertários e antiautoritários são os únicos a fazer-lhes frente nas ruas, sobretudo 
devido às frequentes agressões a estrangeiros. A desocupação de Vila Amalia é uma questão 
política. A sua propriedade era disputada pela Câmara de Atenas e por uma organização 
escolar, estava ocupada há 20 anos, tendo sido finalmente desalojada no passado dia 20 de 
Dezembro. Durante essa operação oito pessoas foram presas e a polícia diz que encontrou 
1.500 garrafas vazias, líquido inflamável e petardos que, segundo os agentes, serviam para 
fabricar cocktails incendiários.

A Vila está situada no centro de Atenas, junto à Praça Agios Pantelimonas, um lugar por 
cujo controle se verificam há meses confrontos entre grupos anarquistas e militantes do 
partido neonazi Amanhecer Dourado. Pouco depois foi também desalojado o edifício de 
Skaramanga, onde residiu a família da soprano Maria Callas, e que estava ocupado desde 2009.

Fonte: 
http://todossomosgriegos.wordpress.com/2013/01/09/unos-150-detenidos-hoy-en-atenas-por-el-desalojo-de-dos-historicas-casas-okupas/


More information about the A-infos-pt mailing list