(pt) Anarkio #27 Novembro 2012

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Domingo, 13 de Janeiro de 2013 - 13:04:53 CET


Barbareca "Civilization" Por mais de 500 anos atrás, estas terras foram ocupadas por 
aborigenoj, com uma grande diversidade de costumes, culturas e tribos, alguns fidantaj 
milhões, impérios em meio a florestas tropicais e equatoriais desta kontineto enorme, de 
norte a sul. Mas tudo isso mudou que a chegada dos invasores bárbaros e bárbaros, 
exploradores e pesquisadores literal e figurativamente, porque hava barbas grandes e eram 
seres muito cruéis em busca de riquezas e fazer algo para obtê-los, explorando e imprensa 
em todo o mundo. ---- Na verdade, nos últimos 500 anos, culturas desolação ĉioj aborigenaj 
através da violência extensiva em Pionero genocida comparável apenas aos comunistas russos 
e nazistoj gemana, duas ideologias totalitárias. Esta Português bandidos e espanhol, 
seguido mais tarde por franceses, britânicos, holandeses e russos, trouxe a guerra 
biológica através do disvatiĝo de doenças entre os povos arborigenaj do vasto continente.

Esses invasores teve coragem de dizer que encontraram a terra, e que esta terra
pertencia a uma vez.

O bárbaro invasores sklavis arborigenoj e aukaŭ trouxeram escravos de outros continentes a 
ser pressionado los maluma trabalho. Séculos passados ​​de extermínio sistemático, que 
algumas pessoas postivivis e ainda tentam manter a chama viva de suas culturas. Mas a 
ganância atacante passa por os eixos dos descendentes dos bárbaros para destruir o último 
remanescente da população original.
Não há mais terra deve ser tomada a partir dos povos nativos, afinal, se é uma questão de 
ocupação, estes aborigenoj é o país é como a água eo ar, bens coletivos, no uso comum, o 
uso da propriedade, não há nenhuma propriedade de mídia los posse nosso. E que etentas los 
áreas urbanas, a kosntruoj mega que milhares de famílias removidas de suas casas humildes, 
a base de auto-violência do estado autoritário que só serve os interesses do capital, para 
amarrar seu repezentantoj, que só sabem ganancioso grande interkonsenso com números e 
figuras, bem como seus ancestrais bárbaros fez.
Nenhuma compensação ao agricultor, proprietário de terras, mantenedor de um legado de 
exploração e opressão, juntamente empresários e toda a lógica do capital.

Abolir todas as propriedades necessidade etsas urgente.

----------------------------------------

Feira Anarquista 3 em São Paulo

A Biblioteca Terra Livre e Ativismo ABC organiza a 3
Feira Anarquista em São Paulo, feiras de anarquistas que continuam
está ocorrendo em cidades de todo o mundo.
Ao lado mostra o editorial serão realizadas palestras e debates, bem como
diversas atividades culturais, como exposições, poesia, peças de teatro, musicais
e outras atividades.

Acontecer, como a 2 ª Feira Anarquista-São Paulo, exposição e
venda de publicação de livros, jornais, revistas, fanzines e outros
libertários materiais. A Feira de São Paulo pretende unir editores
libertário país e no exterior.

----------------------------------------------

Livre sindicalismo imediatamente!

É passado o tempo agimos los nossa labareĵojn, a construção de um novo sindicalismo, 
modelo de união livre que é necessário hoje em dia, um terrível legado da ditadura de 
Getúlio Vargas.
Não só etsas sindicalismo corporativo e hierárquica, de modo que a única ação de 
gelaboristoj é fortitaj pagar por isso. Neste sistema sindical tem 6 trabalho organizações 
oficiais e mais de três organizações sindicais pergunte ao seu estado legal seguinte. 
Juntos, eles possuem produção e distribuição nunca vi antes e que poderia criar uma 
sociedade nova, com apenas a união estrutura. Mas este poder de gelaboristojn ESTA sobre o 
controle do Estado e que los nas mãos dos empregadores, que está associado los sindicatos 
poderosos, e enviar enviar mão de obra política los Brasil. Partes, não se pode esperar 
muito, porque suas pinturas procurar espaços no Estado para pliiligi seu poder.

Por isso, é até gelaboristoj ruptura com o modelo, a criação de uma força de trabalho 
livre legítimo. O caminho é construir um modelo baseado em um par ramos sindicais de 
produção e distribuição, gelaboristoj unir ao invés de dividir los categorias como usado 
atualmente. Esta união tem recebido das associações criadas para compartilhar 
gelaboristojn: os Conselhos Estaduais, Regionais e Federal de categorias de coisas Labaro, 
o CIPAj. Estas construções são apoios que os empregadores ajudar a manter seguro enquanto 
gelaboristoj instrução não no sindicalismo, ou sua união. O uzit modelo, só recebem o 
mínimo necessário para ser gemanovratoj los a sua busca de esquemas de energia.
Não! O sindicalismo é para nós livre associação, de gelaboristoj buscam bem-estar e 
liberdade, que só assume o controle de sua emancipação de suas mãos. Em vão obtê-lo em 
alguns modelos representativos ou institucional

-------------------------------------

Nós ainda precisamos de voluntários!

Nosso iniciatemo precisa de voluntários para escrever, traduzir, design ou por quaisquer 
contribuições.
Qualquer ajuda é bem-vinda, obrigado!
Saúde e anarquia!

Contactos

Phoenix Preto Liberacana Barricade
CP: 5005 - 130036-970 Kampinaso - San Paŭlio
M.E.: barriliber  anarkio.net
M.E.: lobo  riseup.net
M.E.: fenikso  riseup.net
http://anarkio.net


More information about the A-infos-pt mailing list