(pt) Ocupação Contestado nasce em São José! (en)

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Terça-Feira, 1 de Janeiro de 2013 - 10:40:11 CET


Madeira por madeira, lona por lona, os moradores da comunidade José Nitro estão, ao longo 
dos últimos dias, construindo suas casas e sua história em um espaço que é o germe da 
Ocupação Contestado, consolidada na madrugada desta quarta-feira (7). ---- O nome da 
ocupação homenageia os cem anos da Guerra do Constestado, conflito que ocorreu no Estado 
de Santa Catarina no início do século 20 e que, assim como em nossa luta, questionou a 
propriedade das terras e foi manifestação de insatisfação popular diante dos problemas 
sociais. ---- A ação deve sofrer retaliações nas próximas horas e dias e a Polícia Militar 
de Santa Catarina já esteve no local: antes das 4h desta madrugada, a polícia surgiu para 
intimidar os ocupantes, mas não foi o suficiente para desistirmos.

Esses trabalhadores da cidade de São José, oriundos de tantos lugares do Brasil, estão 
protagonizando um ato histórico diante da desorganização dos sem-teto da capital 
catarinense nos últimos 20 anos. Ato que legitima o primeiro passo dado no último sábado, 
com reunião para a Reconstrução do Movimento Sem Teto em Florianópolis, no último sábado (3).

Todas essas ações foram estimuladas involuntariamente por um personagem que não tem nenhum 
interesse na soberania popular e na qualidade de vida de seu povo: o atual prefeito de São 
José, Djalma Berger, apoiado por seu irmão e atual prefeito de Florianópolis, Dário Berger.

Já se passou quase um mês e a única esperança de punição de Djalma está na ação do 
Ministério Público Eleitoral. Em síntese, o MP abriu uma ação de investigação judicial 
eleitoral contra Djalma Vando Berger por crime eleitoral. Ele é acusado de abuso de poder 
político e captação ilícita de sufrágio por conta das promessas de assentamento feitas à 
comunidade de José Nitro, em São José, às vésperas do pleito eleitoral, no início de outubro.

Diante da imobilidade e da vagareza em ajudar a resolver um problema que o próprio 
prefeito criou, o povo decidiu agir e conta com o apoio de todos que acreditam ser 
possível um novo modelo de cidade, mais justa com seu povo.

Agora se torna ainda mais importante a solidariedade com essas famílias que estão 
reconstruindo suas vidas. Por isso, pedimos que organizem campanhas de solidariedade e 
colaborem com as campanhas já existentes.

Contestado vive! Pátria livre, venceremos!

Brigadas Populares

Movimento dos Trabalhadores Sem Terra

Coletivo Anarquista Bandeira Negra

Fotos da ocupação http://prod.midiaindependente.org/pt/blue/2012/11/513822.shtml


More information about the A-infos-pt mailing list