(pt) (Press) XXV Congresso da AIT: Secretariado Internacional fica com a ZSP polaca

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Quarta-Feira, 11 de Dezembro de 2013 - 21:12:36 CET


XXV Congresso da AIT, mais um patamar do anarcosindicalismo mundial ---- No passado dia 8 
de Dezembro terminou o Congresso da Associação Internacional dos Trabalhadores, em que a 
CNT-AIT está filiada com o resto das organizações internacionais do sindicalismo 
revolucionário. Um Congresso que permite a entrada num novo patamar, que será para a 
Internacional o desafio de ampliar a sua presença num mundo que atravessa tempos 
conturbados que afligem toda a classe trabalhadora. ---- Durante o Congresso ficou patente 
a consolidação de aspectos organizativos que são fundamentais para melhorar o 
funcionamento interno de forma a reverter numa acção mais coordenada. Grande parte dos 
esforços do Congresso se centraram na coordenação da acção sindical das federações 
autónomas associadas. Vale a pena destacar o interesse em manter uma rede de trabalho 
coordenado por ramos de produção.

A expansão continua a ser um tema principal que se analisa continuamente, sobressaindo 
desta vez a orientação para a Ásia Oriental, com o objectivo de melhorar os contactos já 
estabelecidos e levar as ideias anarcosindicalistas aonde ainda não haja presença da AIT. 
O incremento na Ásia da actividade sindical de base, à margem dos sindicatos tradicionais, 
de perfil vertical, ligados a governos e partidos, sendo a China o seu maior expoente, 
aumenta o interesse da Internacional em desenvolver estratégias próprias de afirmação 
nessa zona.

Do mesmo modo analisou-se a conflitualidade da actual exploração capitalista no campo, 
onde se produzem confrontos sérios entre o trabalho e o capital, denunciando a partir de 
critérios anarcosindicalistas a especulação financeira dos produtos alimentares, que leva 
à pauperização da população mundial. Constata-se um paulatino aumento de projectos 
libertários, indígenas, etc., autogestionários, o que, na óptica do comunismo libertário, 
facilita a inter-relação entre as iniciativas da produção e o consumo.

O interesse que suscita a AIT em diferentes países ficou patente com a  incorporação como 
Amigos da AIT da FAS austríaca e da STA da Bulgária. Por outro lado, a ASF australiana, 
coincidindo com a sua actividade sindical mais dinâmica, deixa de ser Amiga da AIT para se 
converter em Secção de pleno direito.

Não menos importante foi o trabalho impecável de organização que foi levado a cabo pelo 
sindicato anfitrião, a CNT-Valência, permitindo um óptimo desenrolar do Congresso. Foram 
também organizadas umas jornadas culturais internacionais centradas em temas relacionados 
coma actividade da Internacional, que serviram de impulso ao Congresso. Trataram-se, entre 
outros, de temas como a repressão ou a imigração procedente dos dos países pobres através 
das prisões encobertas chamadas de Centro de Internamento de Estrangeiros (CIE), as 
diversas reformas económicas e laborais dos últimos anos na Alemanha ou a recuperação de 
empresas e iniciativas autogestionárias nos tempos de crise económica na Argentina. Também 
esteve exposta uma interessante colecção de cartazes históricos.

A secção polaca ZSP recolhe agora o testemunho do Secretariado da Internacional, ficando 
com a árdua tarefa de continuar com a expansão do sindicalismo revolucionário e a 
coordenação das lutas das diferentes Secções.

  O Secretariado Permanente do Comité Confederal da CNT.

Tradução CLE

Aqui: 
http://cnt.es/noticias/xxv-congreso-de-la-ait-un-paso-m%C3%A1s-del-anarcosindicalismo-internacional

Relacionado: 
http://colectivolibertarioevora.wordpress.com/2013/11/13/anarcosindicalismo-mundial-vai-se-renir-em-valencia-a-5-6-e-7-de-dezembro/

AIT: http://www.iwa-ait.org/

http://internationalworkersassociation.blogspot.pt/

http://ait-sp.blogspot.pt

o que é a AIT: http://www.freewebs.com/ait-sp/oqueeaait.htm


More information about the A-infos-pt mailing list