(pt) Acção Directa No 6 Abril 2013 - Boletim Informativo do Colectivo Libertário de Évora P1. Por um 1 de Maio de luta e combate !

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Quinta-Feira, 25 de Abril de 2013 - 14:18:04 CEST


Por um 1 de Maio de luta e combate ! ---- No próximo Primeiro de Maio muitos anarquistas, 
mais uma vez, vão sair à rua por todo o país, em manifestações próprias ou juntandose a 
manifestações convocadas por outros colectivos ou por outras associações de trabalhadores. 
Seja como for, este é um dia de luta e  de afirmação revolucionária, em homenagem também 
aos anarquistas mortos em Chicago às mãos do Estado. ---- Nos últimos anos, Setúbal tem 
sido o ponto de concentração, neste dia, para muitos libertários e anti-autoritários 
fazendo da cidade do Sado, no 1o de Maio, um espaço de luta e de combate
ao capitalismo. --- Também este ano sê-lo-á, por certo. Mas seja onde quer que seja 
estejamos o importante é manifestarmos a nossa indignação e mostrarmos que é possível 
outra sociedade mais justa e igualitária. --- Págs. 2 e 3 ---

Escuta Zé Ninguém W. Reich --- Págs. 4 e 5 ---

Conferência Libertária de Setúbal ---- Pág. 6 ---

Memória Libertária Emídio Santana --- Pág. 7 ----

Hortas urbanas em Évora ---- Pág. 8 ---

O 25 de Abril e a Utopia ---- Págs. 8 ---

As últimas palavras dos “Mártires
de Chicago” no Tribunal que os
condenou à pena de morte

Michael Schwab - Falarei pouco e,
seguramente, não descolaria os lábios
se o meu silêncio não pudesse ser
interpretado como um cobarde
consentimento na comédia que se acaba
de desenrolar. O que aqui foi julgado foi a
anarquia e a anarquia é uma doutrina hostil e
oposta à força bruta, ao sistema de produção
criminoso e à distribuição injusta da riqueza.
Vocês, e só vocês, são os agitadores e os conspiradores.

Adolf Fischer - Só tenho que protestar
contra a pena de morte que me
impõem porque não cometi crime
nenhum... mas se for enforcado por
professar as minhas ideias anarquistas,
pelo meu amor à liberdade, à igualdade e à
fraternidade, então não vejo inconveniente.
Digoo bem alto: disponham da minha vida.

Albert Parsons - O princípio fundamental
da anarquia é a abolição do
salário e a substituição do actual sistema
industrial e autoritário por um
sistema de livre cooperação universal, o único
que pode resolver o conflito que se prepara. A
sociedade actual só vive através da repressão e
nós propomos uma revolução social dos trabalhadores
contra este sistema de força. Se vou
ser enforcado pelas minhas ideias anarquistas,
está bem: matem-me.

Auguste Spies - Honorável juiz, a
minha defesa é a sua própria acusação,
os meus pretensos crimes é a sua história
(...) Pode condenar-me, mas pelo
menos que se saiba que no estado de Illinois
oito homens foram condenados por não perderem
a fé no triunfo final da liberdade e da justiça.

Louis Lingg: - Não, não é por um crime que
nos condenam à morte, é pelo que aqui
se disse em vários tons: condenam-nos
à morte pela anarquia e, já que nos condenam
pelos nossos princípios, eu grito
bem alto: sou anarquista! Desprezo-vos,
desprezo a vossa ordem, as vossas leis, a vossa
força, a vossa autoridade. Enforquem-me!


Em Maio, regressa a Feira do Livro Anarquista de Lisboa

Vem aí a 6a Feira do Livro Anarquista, que terá lugar de
24 a 26 de Maio em Lisboa no Grupo Excursionista e
Recreativo “Os Amigos do Minho” (Intendente), com o
objectivo, todos os anos renovado, de criar um espaço
autóomo, aberto a todos, para a divulgação e o debate das
ideias anarquistas.

No programa da feira deste ano, para além da habitual
presença de bancas, estão previstos dois debates. Um,
sobre a forma, a actuação e as limitações da indústria
mediática e as suas possíveis alternativas. Outro, sobre o papel
das bibliotecas como espaço privilegiado de encontro,
reflexão, debate e partilha.

Pretende-se uma feira que seja incentivadora da edição
de livros e outras publicações de temática anarquista e respectiva leitura. Continuamos a
pensar que a anarquia é a alternativa à violência do estado, à arrogância do capital, ao
“progresso” da técnica e aos estragos do jornalismo subserviente.

www.colectivolibertarioevora.wordpress.com * www.facebook.com/ColectivoLibertarioEvora


More information about the A-infos-pt mailing list