(pt) MOVIMENTO ANARQUISTA o antiautoritarismo na região portuguesa - PALAVRAS AO ALTO, NA CASA VIVA, PORTO 27/11/2012 , ÀS 21.30 H.

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Terça-Feira, 4 de Dezembro de 2012 - 10:47:39 CET


A Casa Viva é na Praça do Marquês de Pombal, 167 Porto. Metro: Marquês. ---- A biblioteca 
da CasaViva abre as portas para novas aventuras ao sabor de propostas de toda a 
comunidade. Entre saberes partilhados, dizeres «vozeados», fazeres encantados e pensares 
construtivos, as actividades prevêem leituras, cinema, origami, oficinas, cargobike 
itinerante e muito mais surpresas! ---- A viagem começa, a 27 de Novembro às 21:30, com 
«Palavras Ao Alto» em que vamos partilhar as sensações da leitura a várias vozes 
descobrindo uma entre muitas pequenas iguarias literárias: «Os diários de Adão e ... ---- 
Eva» de Mark Twain (1839-1910), autodidata, viajante e homem de ação, famoso autor das 
Aventuras de Tom Sawyer, e de Huckleberry Finn. ---- Além do texto ser curto, de leitura 
agradável e divertida, reencontraremos questões primordiais apresentadas de uma forma 
muito simples, mas contendo as dimensões da complexidade.

Trata-se da questão da língua, da primeira palavra, de quem deu nome às coisas... Trata-se 
também da relação entre seres, da sua distância, aceitação e proximidade.
«Ela diz que a serpente a aconselha a provar o fruto da árvore e diz que daí vai resultar 
uma grande e bela e nobre educação. Eu disse-lhe que também haveria outra consequência: 
que isso introduziria a Morte no mundo. Isto foi um erro, mais valia ter ficado calado. Só 
serviu para lhe dar uma ideia: ela podia salvar o bútio doente e arranjar carne fresca 
para os desalentados leões e tigres.
Pelo meu lado aconselhei-a a manter-se afastada da árvore.
Ela disse que não.
Acho que vai haver problemas.
Vou emigrar.»

No campo da ficção, todos temos uma ideia da história de Adão e Eva, mas, agora que se 
«tornaram figuras públicas suficientemente relevantes», faz sentido acompanhar a tradução 
dos diários elaborada por Mark Twain. Veremos como numa segunda-feira Adão descobre o que 
então chama «o novo ser». Acompanharemos o momento crucial da maçã sacrificada ao estômago 
faminto. Descobriremos os projetos de tenebrosas experiências de Adão para, mais tarde, 
descobrir o que virão a ser os seus filhos, entre outros momentos cheios de uma sabedoria 
lúdica.
Deixamo-vos este «ante-sabor» com a entrada de sexta-feira no diário:
«Ela diz que a serpente a aconselha a provar o fruto da árvore e diz que daí vai resultar 
uma grande e bela e nobre educação. Eu disse-lhe que também haveria outra consequência: 
que isso introduziria a Morte no mundo. Isto foi um erro, mais valia ter ficado calado. Só 
serviu para lhe dar uma ideia: ela podia salvar o bútio doente e arranjar carne fresca 
para os desalentados leões e tigres.

Pelo meu lado aconselhei-a a manter-se afastada da árvore.
Ela disse que não.
Acho que vai haver problemas.
Vou emigrar.»

Publicada por Manuel Sousa em 11:14 a.m.


More information about the A-infos-pt mailing list