(pt) [México] primeiras ações contra a cúpula climáti ca em Cancún

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Quarta-Feira, 8 de Dezembro de 2010 - 21:53:56 CET


Durante a noite de 6 de dezembro, várias organizações foram formadas para
a marcha, o objetivo era atingir a Procuradoria Federal de Proteção do
Ambiente (Profepa) em Cancún.----No percurso da marcha grupos de
encapuzados realizaram várias pichações em casas particulares e edifícios
públicos.---A manifestação atingiu gravemente as estradas, parando o
tráfego de várias vias.---Alguns repórteres perguntaram para os
manifestantes qual era o propósito das suas ações, a que eles responderam
"criar o caos".---Também foi atacado um McDonalds com ovos e bombinhas de
tinta, pichações com ácido de suas janelas e paredes com stencils.---A
poucos metros para alcançar a sede da Profepa cerca de 300 policiais
federais estavam protegendo o local. Os encapuzados jogaram excremento no
lugar.---Ao dar a volta para regressar ao acampamento, a marcha continuou.
Alguns ativistas entraram em um Samborns e jogaram excrementos nas mesas
do restaurante pertencente ao bilionário e destruidor da Terra Carlos
Slim.---Esta marcha é um das primeiras com espírito radical que surge em
Cancún contra a COP-16, depois de que várias caravanas chegaram há alguns
dias a terra blindada.---Hoje se espera uma grande manifestação contra a
cúpula da ONU sobre Mudanças Climáticas.
Rabia y Acción
agência de notícias anarquistas-ana


More information about the A-infos-pt mailing list