(pt) [Suécia] Anarquistas agitam as ruas de Malmö durante o V Fórum Social Europeu

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Terça-Feira, 30 de Setembro de 2008 - 08:53:50 CEST


Foi realizado em Malmö, no sul da Suécia, o V Fórum Social Europeu (FSE),
com o lema "Outra Europa é possível". O evento começou na quarta-feira,
17, e foi concluído no último domingo, 21, com a participação de milhares
de pessoas, organizações e grupos da Europa. Durante esses cinco dias
aconteceram 250 seminários, oficinas e assembléias, reuniões informais,
cerca de 400 atividades culturais - películas, teatro, concertos, poesia -
manifestações pelos subúrbios de Malmö e no centro dessa cidade, a
terceira maior da Suécia.


Destacamos a manifestação contra a construção de centrais elétricas na
Suécia e também em apoio e solidariedade com o Acampamento Climático de
Kingsnorth, que aconteceu em agosto, na Grã-Bretanha. E uma bicicletada
contra uma fábrica de armas. E um ato de rua no último dia, com mais de 15
mil manifestantes. Tudo dentro de um ambiente pacífico, colorido e sem
nenhuma prisão.
Por outro lado, o que chamou a atenção da mídia corporativa, e amplamente
divulgado na imprensa internacional, foi uma manifestação realizada
sexta-feira à noite, 19, em Malmö, que reuniu cerca de 1000 pessoas, entre
anarquistas e autônomos, totalmente à margem do Foro Social Europeu, e que
ficou marcada por incidentes violentos durante toda a noite e madrugada
sueca.
O protesto do grupo de ação “Reclaim the Streets" (Recuperaremos a Rua),
do "black block", começou dentro da normalidade, mas cerca de uma hora
depois, com a provocação e intimidação policial, os manifestantes
começaram a lançar garrafas e a apedrejar as forças da ordem que tinham
dezenas de viaturas, motos, cavalos, bloqueando a rua onde decorria o
Foro, no centro de Malmö.
Os manifestantes quebraram vitrines de lojas, fachadas de bancos e lugares
de multinacionais. Também lançaram fogos de fumaça, enquanto outros
arrancavam pedras do calçamento para arremessar contra a polícia, que
reagia com gás lacrimogêneo.
Pelo menos 20 veículos das forças da ordem que tentavam dispersar os
manifestantes foram alvo de pedradas e garrafadas.
Dezenas de ativistas foram detidos, passando a noite na cadeia e liberados
em seguida. Entre os manifestantes, não foi registrado nenhum ferimento
grave.
Curiosamente, a manifestação teve como fundo musical "Breaking the law"
(Violando a lei), do grupo heavy metal britânico Judas Priest, que era
lançado de um caminhão do “Reclaim the Streets".
Vídeos da manifestação do dia 19 e a correria anarquista nas ruas de Malmö:
Parte 1: http://www.youtube.com/watch?v=bober5qSZso
Parte 2: http://www.youtube.com/watch?v=N2Ei1OWngfI
agência de notícias anarquistas-ana




More information about the A-infos-pt mailing list