(pt) Brasil: Eleições/2006 O Tribunal Superior Eleitoralmente para o povo

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Terça-Feira, 31 de Outubro de 2006 - 21:38:27 CET


  A VOZ DO TRABALHADOR
 Informativo de 30/outubro/2006 da COB/ACAT-AIT

 Movimento de Reconstrução da CONFEDERAÇÃO OPERÁRIA BRASILEIRA
  ---------------------------------------
 Por uma organização livre e autônoma dos trabalhadores



  RESULTADOS DA FARSA ELEITORAL SEGUNDO TURNO/2006

  ELEIÇÕES PARA PRESIDENTE.

  CAMPANHA PELO VOTO NULO DE PROTESTO
  CONTRA TODAS AS MISÉRIAS!

  A NOTICIA QUE VOCE NÃO LEU NOS JORNAIS
  Mais de trinta milhões de eleitores (30.074.715) repudiaram no dia
29/10/2006 o processo eleitoral nesse segundo turno das eleições para
presidente no Brasil, onde concorreram o portavoz do Neo-Liberalismo
Compensatório Luis Inácio Lula da Silva, do PT a serviço do Banco
Mundial e dos interesses hegemônicos do capitalismo contra os direitos
dos trabalhadores no Brasil e o candidato do Neo-Liberalismo Conservador
Geraldo Alckmin, do PSDB a serviço da Opus Dei, movimento que defende os
interesses capitalistas da Igreja católica. Essa rejeição foi maior que
a do primeiro turno quando somados os votos em branco, nulos e as
abstenções foram contabilizadas quase trinta milhões de eleitores
(29.916.746). Resultado que em relação ao segundo turno das eleições
presidências no ano 2002 representam um crescimento de 978.026 mil
eleitores a mais de desiludidos com a situação de fome, miséria,
corrupção e a luta política no Brasil.

  TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL MENTE PARA O POVO
              O Tribunal Superior Eleitoral induz a falsidade ao fazer o
eleitor pensar que Luiz Inácio Lula da Silva venceu as
eleições por 60,83% dos votos. Esse é um resultado que
expressa uma farsa que pretende legitimar mais uma das
falcatruas desse governo. A matemática é simples, se existem
cerca de Cento e Vinte e Cinco milhões de eleitores,
125.913.479 milhões conforme o TSE, onde estão
contabilizados os 30 074 715 milhões de votos
(Brancos+Nulos+Abstenções) que rejeitaram essas eleições?
                Se não fossem os casuísmos eleitorais (Ministros do TSE
escolhidos pelo Poder), estas eleições deveriam ser
anuladas pois na realidade Lula (46,3%) e Alckmin (29,8%)
não alcançaram a simples metade do eleitorado. O que
significa dizer que não possuem a legitimidade do voto
perante ampla maioria da população para exercer a
presidência da nação.

  CUIDADO! aí vem o lula, apoiado por todos os partidos, com a sua reforma
trabalhista e sindical que só beneficia os empresários com a
precarização do trabalho. É hora de organizarmos nossa ação direta
sindical contra o desemprego e pela garantia da expansão para todos dos
direitos dos trabalhadores nestes 90 anos de suas conquistas através da
greve geral de 1917.
===============================================================
  " a emancipação dos trabalhadores haverá de ser obra dos próprios
trabalhadores"




More information about the A-infos-pt mailing list