(pt) Nova revista anarco-feminista em Dublin, Irlanda

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Terça-Feira, 24 de Outubro de 2006 - 21:32:57 CEST


A RAG é uma revista produzida por um grupo diverso de mulheres
anarco-feministas de Dublin. Nós somos todas feministas, unidas em nosso
reconhecimento de que a subordinação da mulher existe. Nossa luta precisa
ser travada ao lado da luta contra outras formas de opressão, e não
tratadas como uma reflexão posterior ou como se fosse um passatempo.

Nós todas somos anarquistas, unidas pela convicção da necessidade de criar
alternativas à sociedade capitalista e patriarcal, em que todas/os são
dominadas/os e exploradas/os.


Embora o anarquismo seja, em teoria, inerentemente feminista, na realidade
isto é, por muitas vezes, um pouco diferente. A RAG foi criada com o afã
de trazer uma publicação feminista para dentro da esfera anarquista. Nós
esperamos que a revista contribua para uma mudança na organização
anarquista em todos os níveis. Nós desejamos um papel inteiramente
participativo para as mulheres no anarquismo.

O primeiro número da revista levou mais de um ano para ser produzida, e
foi um processo importante e satisfatório. Nós levamos tempos para nos
conhecermos umas às outras, para conversar em grupos e para discutir e
desenvolver nossas idéias. Enquanto algumas mulheres na RAG já eram
antigas organizadoras políticas, outras se aproximaram do grupo vindo de
uma série de diversas formações.

Permanecemos comprometidas a uma estrutura não-hierárquica dentro do
coletivo, com rotatividade de organizadoras, compartilhamento de
habilidades, edições em grupo, ajuda mútua e respeito, e, quando possível,
realizando decisões por consenso.

Com o decorrer do tempo membros vêm e vão, mas o espírito coletivo
permanece constante e, esperamos que continue acolhedor, comprometido e
autogerido. Durante o ano passado e mais a metade do outro nós mantivemos
discussões dentro de uma variedade de temas, desde maternidade à indústria
do sexo, assistimos filmes feministas, tivemos uma campanha pró-escolha
com colagem de adesivos, organizamos uma jornada anarquista e oficinas,
trocamos e compartilhamos livros e zines, construímos amizades e nos
apoiamos umas às outras.

Esperamos que esta revista forneça sustento para se pensar e provocar
discussões. Confiamos que as leitoras fiquem inspiradas para montar seu
próprio coletivo feminista, organizar oficinas, começar e continuar
escrevendo, como também para trazerem os princípios anarco-feminista para
as ruas que é onde eles vivem. Por favor, nos contate com suas críticas e
idéias para nos falar do que achou da revista e do que você gostaria de
ver postado nas futuras edições. Se você é uma mulher que vive em nossa
região e está interessada em escrever ou se organizar para a revolução,
por favor, venha se juntar a nós.

Este é somente o começo!

Amor e Solidariedade,

RAG - Revolutionary Anarcho-Feminist Group
POB 10785 – Dublin I – Ireland
E-mail: ragdublin  riseup.net
www.ragdublin.org

> O primeiro número da revista RAG tem 42 páginas e capa colorida. Veja o
sumário: Guerilla girls; FW:fwd:... só repassar e dar risada?;
”Unschooling”: vamos liberar; Sindicalizando o trabalho sexual; Resenha
de livro: mother shock!; O olho da mulher; Receita de chá contra cólica;
Mulheres e anarquismo; Cultura do estupro; Violência sexual em nossas
comunidades; Doulas como prática feminista; Raiva: renascida e
transformada; Saúde feminista organizada; Imigrante perpétua; Lugares
para nada em Dublin e adjacências; Ficando mal com a cistite; Diário de
bordo de Khatarina; e RAG recomenda...

> Algumas fotos da festa de lançamento da revista:
http://www.indymedia.ie/article/78482

Tradução: Marcelo Yokoi e Danielle Sales


agência de notícias anarquistas - ana





More information about the A-infos-pt mailing list