(pt) SOLDADO BRASILEIRO DENUNCIA A SITUAÇÃO DA OCUPAÇÃO DO HAITI

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Quarta-Feira, 18 de Janeiro de 2006 - 21:09:28 CET


"Quando eu fui me disseram que era uma missão de paz,
que nós iamos só cuidar do transito e distribuir
alimentos para a população. Mas não era nada disso,
era uma ocupação para impor a paz."

Um soldado brasileiro ao retornar da missão militar
brasileira no Haiti denuncia as péssimas condições a
que estão submetidos os soldados das chamadas tropas
de paz e de terror a que estão sendo submetidas as
populações masi pobres do Haiti.

"os soldados brasileiros não tinham comida
regularmente e a água era suja. Nós mesmos tinhamos
que comprar água mineral enquanto os oficiais ficavam
bebendo seus coquetelzinhos e fazendo festinhas."

Por motivos óbvios a identidade do soldado está sendo
mantida em segredo, e só nessas condições ele se
dispoz a dar a entrevista durante a tarde de 17/01/06.
O exército, naturalmente, nega todas as denuncias
desde as que dizem da falta de condições de "trabalho"
dos soldados brasileiros até as denuncias de violações
de direitos humanos.

"Quando nós iamos numa favela a ordem era para chegar
atirando. A população local era avisada com uns 5 a 10
minutos de antecedencia. Mas quando a tropa chegava
invadia as casas e atirava em todo mundo, depois via
se era bandido ou não."

Com essas revelações fica claro o papel de
subserviência do governo brasileiro (Lula e seu
Partidos dos Trabalhadores, aliados em frente popular
com os partidos socialista, comunista,
comunitarista e liberal, que governam aliados aos
partidos reacionários PMDB, PPB, PTB, etc.). O recente
episódio da proibição do governo Bush/U$A de que a
EMBRAER vendesse caças à Venezuela apenas confirma
essa prática, disfarçada pela retórica esquerdista do
PT - dizem que quem os critica é de direita
neo-liberal. Nesse ponto se cala perante a postura da
ONU que não deu condições de segurança para a tropa
brasileira.

"Os capacetes eram velhos, muitos rachados, não
seguravam um tiro de pistola. Os coletes eram
israelenses, mas também estavam vencidos e o
enchimento na frente estava completamente vazado."

PELA AUTONOMIA DOS POVOS:
ABAIXO A INTERVENÇÃO NO HAITI!
PELA IMEDIATA COMPENSAÇÃO FINANCEIRA PELOS PAÍSES
DESENVOLVIDOS, DEVIDO A COLONIZAÇÃO (FRANÇA) E A
DESTRUIÇÃO DE SUA ECONOMIA POR DITADURAS A SERVIÇO DOS
IMPERIALISTAS!
PELA IMEDIATA RETIRADA DAS TROPAS BRASILEIRAS DO HAITI
- SEGUIDA DA RETIRADA DE TODAS AS TROPAS DA ONU!




More information about the A-infos-pt mailing list