(pt) France, Alternative Libertaire AL Octobre 2017 - Content + Editorial (en, it, fr) [traduccion automatica]

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Domingo, 22 de Outubro de 2017 - 07:34:25 CEST


Governo por ordem ; Deliveroo ; Gaillac ; SNCF 2018 ; Corredores migratórios ; Seleção 
universitária ; Jean-Michel Blanquer ; Lycées em Seine Saint-Denis ; Collectif des 
DesTresMINées35 ; Projetos de mineração ; Feminismo decolonial ; PMAs ; Educação sexual ; 
Sindicalismo na Itália ; Michael Schmidt ; Estados Unidos / Coréia do Norte ; Anarquistas 
espanhóis ; Bibliografia sobre a Revolução Russa ---- Editorial: qual faísca ? ---- 
Destaque: trabalhadores: se organizando ! ---- Pedidos: bloqueie tudo na unidade para 
ganhar ! ---- Deliveroo: Não pedalaremos o estômago vazio ! ---- Bruxelas: como o 
pré-funcionamento da bicicleta é organizado. ---- Educação nacional: o absurdo atinge 
Gaillac. ---- SNCF: lutando hoje para preparar 2018 ---- Sociais ---- Imigração: a falsa 
boa ideia corredores ---- Universidade Seleção: A linha vermelha para não ser cruzado
  Jean-Michel Blanquer: De volta à escola sob o signo do fracasso de
  Seine Saint-Denis: Os estudantes querem incendiar a planície

Ecologia
   Entrevista com Daniel do coletivo DesTerresMINges35: "Temos provas de que as técnicas 
não mudaram".
  Projetos de mineração: um desafio do local para o global

Antipatriarchate
   Américas: o feminismo descolonial é organizado em Abya Yala
  O PMA para todos: é deixado para um turno ?
  Schoolgirls, excisão mental e retorno de stick

  Itália internacional: o sindicalismo básico ainda está lá !
  África do Sul: por que Michael Schmidt foi banido ?
  Estados Unidos / Coréia do Norte: faíscas em uma revista em pó

História
   há 80 anos: educação e emancipação entre anarquistas espanhóis

  Ensaio de Cultura: "The Neoliberal Novolang" de Alain Bihr em Syllepse Editions
  Documentário: "A Assembléia" de Marianne Otero
  Bibliografia para descobrir a Revolução Russa

http://www.alternativelibertaire.org/?-AL-d-octobre-est-en-vente-420-


Edito: que faísca ?

Com a proliferação de ataques sociais e comunicação baseada em um desprezo de classe 
assumida, o governo Medef claramente se comprometeu com uma estratégia de piadas gordas.

A idéia: passar a vigorar apostando na opinião dos adversários. Mas, na realidade, esses 
grandes burmes se tornam pequenos pôneis. Ignorando a sua própria fragilidade política e a 
pequenez do campo de marfim em que reina, suas fronteiras de luxo triunfantes em ridículo 
e apenas uma fração da população adere à sua publicidade e suas políticas.

Diante dos ataques, os focos de raiva continuam a se multiplicar e o país se tornou um 
verdadeiro barril de pó. A principal preocupação  ? A dispersão daqueles que querem lutar. 
Os sucessos mistos dos dias de greve de setembro e especialmente a dispersão das 
estratégias sindicais refletem as dificuldades de federar lutas sociais onde certamente há 
uma certa raiva. A situação não é nova, mas a ferocidade dos ataques requer mais do que 
nunca a remediar  ; especialmente porque o contexto político está longe de ser desfavorável.

Que faísca disparará a planície  ? O potencial é inútil e as próximas semanas devem 
fornecer respostas. Não há dúvida de que a mobilização da juventude e de certos setores 
combativos proporcionará uma base para a mobilização.

Alternative Libertaire, 5 de outubro de 2017
http://www.alternativelibertaire.org/?Edito-Quelle-etincelle


Mais informações acerca da lista A-infos-pt