(pt) federacao anarquista gaucha FAG - Mensagem de ano novo De Coletivo Independente de Municipárias e Municipários de São Leopoldo

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Sábado, 7 de Janeiro de 2017 - 18:02:12 CET


NOSSA MENSAGEM DE ANO NOVO ---- Atravessamos 2016 com muita resistência. Com exceção do 
magistério, o funcionalismo amargou o parcelamento do salário, formalizado pelo governo 
Moa-Daudt, PSDB-PMDB, com o nome de "modalidade parcelamento". Já havíamos aguentado o 
atraso mensal com o nome de "modalidade escalonamento". Resistimos ao assédio moral, às 
perseguições políticas e às más condições de trabalho. Em 2015 vencemos a batalha contra o 
reajuste ZERO e mostramos nossa capacidade de organização e luta. ---- Apesar de todos 
constrangimentos e precariedades nesse ano que passou, seguimos oferecendo à população os 
serviços públicos sob nossa responsabilidade com dedicação e respeito. ---- O novo governo 
chega afirmando que devolverá a cidade aos trabalhadores. Nós, desde já, dizemos que a 
cidade só pode ser dos trabalhadores quando os próprios trabalhadores a tomam para si. De 
nossa parte estaremos atentos e não esperamos benesses: lutaremos pelos nossos direitos de 
forma independente, como sempre fizemos. Em breve teremos dissídio e ainda muitas pautas 
específicas pendentes.

Para registrar um pequeno momento de 2016, publicamos algumas fotos de cartazes que 
distribuímos em serviços de saúde e de assistência social. Contamos com a participação 
ativa dos colegas que os colaram em local público, fomentando o debate entre funcionários 
públicos e população sobre o que está acontecendo e sobre a necessária defesa de nossos 
direitos. Um trabalho de formiguinha, buscando informar e fortalecer laços.

Infelizmente a PEC 55 foi aprovada e nosso salário de dezembro ainda não foi pago. Por 
isso, sem depositar esperanças a não ser em nós mesmos, servidoras e servidores, 
reforçamos a necessidade de permanecermos vigilantes e prontos para mais embates neste ano.

Desejamos um 2017 melhor e nos engajaremos para isso. Sabendo que os governos e 
empresários estão jogando a crise em cima das trabalhadoras e dos trabalhadores, desejamos 
que o ano seja novo também em nossa capacidade de organização e resistência aos ataques à 
saúde, educação e assistência social, à previdência, aos direitos trabalhistas.

Que o ano seja cheio de força, empatia, solidariedade e resistência!

https://federacaoanarquistagaucha.wordpress.com/2017/01/03/mensagem-de-ano-novo/


Mais informações acerca da lista A-infos-pt