(pt) [Azerbaijão] O "dia das flores" do ditador e os anarquistas encarcerados,By A.N.A.

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Sábado, 31 de Dezembro de 2016 - 09:12:21 CET


No Congresso Anarquista Internacional celebrado no passado mês de agosto em Frankfurt[na 
Alemanha], a Rádio Anarquista de Berlim teve a oportunidade de entrevistar a um 
companheiro anarquista do Azerbaijão que falou do caso de dois companheiros encarcerados 
que enfrentam longas condenações. ---- Pergunta > Poderias nos dizer sob qual desculpa se 
encontram na prisão? ---- Resposta < Se encontram encarcerados por uma ação de protesto em 
Baku, capital do Azerbaijão, em maio deste ano. Mas primeiro deveis saber que o governo do 
Azerbaijão criou uma festa nacional, batizada como "dia das flores", para comemorar o dia 
de nascimento do ex-ditador Haydar Aliev. Seu filho Ilham é agora presidente e já faz 
alguns anos introduziu esta "celebração ". Fazem imagens gigantes com flores e a bandeira 
do país. Todas as flores vem desde a Holanda, podeis imaginar a quantidade de dinheiro que 
se gasta nisto. Estavam a uns anos fazendo-o, até que este 9 de maio, dois de nossos 
companheiros escreveram "Morte ao sistema" com um A de anarquia, e em vez de "Feliz dia 
das flores" escreveram "Feliz dia do escravo", que em linguagem azerbaijano soa muito 
similar: Gul e Gül. Foram detidos no dia seguinte.

O método tradicional utilizado no Azerbaijão para prender ativistas políticos é pôr drogas 
nas casas dos acusados. Carregaram a cada um de nossos companheiros com um kilo de heroína 
e, por isso, sofreram uma condenação de entre oito e doze anos.

Pergunta > E se fossem sentenciados somente por vandalismo, seria menor a condenação?

Resposta < Não sei exatamente qual seria, mas no máximo alguns poucos meses.

Pergunta > Que podemos fazer os que estamos fora do Azerbaijão para mostrar nossa 
solidariedade e ajudar os companheiros na prisão?

Resposta < Creio que o que podes fazer é, por exemplo, se é que há uma embaixada do 
Azerbaijão em sua cidade, ir a protestar frente a ela. Mais além destas ações, poderias 
escrever sobre esta situação em vossas publicações ou em qualquer meio de imprensa. Isto 
seria muito importante para quem se encontra na prisão.

Pergunta > Há alguma forma de enviar fotos de ações em solidariedade às que possam aceder 
os presos?

Resposta < Sim, se podem enviar a seu advogado e ele pode entregar-lhes cartas e 
fotografias. Mas os policiais não lhes deixarão escrever respostas a essas cartas. Há mais 
de cem presos políticos no Azerbaijão, mas os únicos que não deixam responder as cartas 
são a nossos companheiros. Parece ser que esta ação foi tremenda para o Governo do 
Azerbaijão, por isso não a esqueceram.

Fonte: http://www.nodo50.org/tierraylibertad/341articulo4.html

Tradução > Sol de Abril


Mais informações acerca da lista A-infos-pt