(pt) verba-volant: Patras, 10 de dezembro de 2016: Anarquistas realizam concentração antifascista para anular evento neonazi

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Quarta-Feira, 21 de Dezembro de 2016 - 10:19:58 CET


A seguir, texto informativo do grupo anarquista de Patras Disinios Ippos (Cavalo 
Indomável) sobre a realização da concentração antifascista na cidade com o fito de anular 
um evento do partido neonazi Aurora Dourada. ---- No sábado, 10 de Dezembro de 2016, os 
nazistas do Aurora Dourada, desaparecidos da cidade de Patras nos últimos anos, trataram 
de realizar as escondidas um evento em seus escritórios com a presença do eurodeputado 
Epiditios, sem haver emitido nenhum comunicado relativo à realização do evento 
anteriormente. E isso porque na última vez que emitiram um comunicado antecipado, não 
conseguiram se aproximar de seus escritórios (ao mesmo tempo em que uns 2-3 deles ficaram 
presos em tais escritórios por várias horas), já que se realizou uma concentração 
antifascista em suas portas.

Assim que nos demos conta da concentração dos fascistas optamos por marchar até os 
escritórios do Aurora Dourada com a intenção de impedir a realização de seu evento. Quando 
nos aproximamos, um esquadrão das chamadas forças antidistúrbios nos bloqueou o caminho, 
protegendo mais uma vez os nazis assassinos. Alinhamos-nos diante dos policiais, gritando 
palavras de ordem e deixando claro que os fascistas são indesejados na cidade. Quase uma 
hora mais tarde, os fascistas saíram dos escritórios também sob a proteção dos policiais.

Nós como anarquistas participamos da concentração antifascista espontânea, concebendo como 
imperativa a necessidade de eliminar a chusma nazi do Aurora Dourada, onde quer que 
apareça, bem como evidenciar para a sociedade o papel do Estado na formação do para-estado 
fascista moderno.

Desde as agressões dos fascistas paraestatais contra as okupas destinadas para os 
imigrantes, e em geral contra os espaços de lutas ocupados e autogeridos, os ataques 
incendiários aos centros de internação, até a repressão estatal e o despejo das okupas 
para refugiados em Tessalônica, o amontoamento dos refugiados e imigrantes em campos de 
concentração, sua humilhação e aniquilação nas fronteiras da Fortaleza Europa, é algo mais 
óbvio do que a barbárie de um regime que engendra a guerra e a miséria, que usa de grupos 
fascistas para atacar os imigrantes, os refugiados e os lutadores, assim como para 
intimidar aqueles que têm todas as razões para resistir. É um regime que, 
independentemente de seu gestor político, sempre está orientado para a criação de uma 
sociedade-calabouço. Frente a este regime, os debaixo tem apenas um caminho a tomar: o da 
auto-organização, o da resistência e o da solidariedade, o da autodefesa social e criação 
de estruturas de ajuda mútua e de classe. Estamos a propor a auto-organização de classe, 
das lutas comuns entre nativos, imigrantes e refugiados, contra a pobreza e indigência, o 
temor, o racismo e o terrorismo paraestatal. Estamos a promover a luta constante pela 
revolução social mundial, pela anarquia e pelo comunismo libertário.

Solidariedade com os imigrantes e os refugiados. O fascismo é destruído na rua pelas 
pessoas lutadoras. Auto-organização social, solidariedade de classe e resistência combativa.

Grupo anarquista Disinios Ippos (Cavalo Indomável)-membro da Organização Política 
Anarquista APO

Tradução: Agência de Notícias Anarquistas.

http://verba-volant.info/pt/patras-10-de-dezembro-de-2016-anarquistas-realizam-concentracao-antifascista-para-anular-evento-neonazi/


Mais informações acerca da lista A-infos-pt