(pt) [Espanha] CNT-AIT Madri realiza =?iso-8859-1?Q?concentra=E7=E3o_para_protestar_contra_o_assassinato_do_jo?=vem anarquista Nikita

a-infos-pt ainfos.ca a-infos-pt ainfos.ca
Quarta-Feira, 4 de Abril de 2012 - 14:55:29 CEST


[No dia 16 passado, aconteceu uma concentração em frente da embaixada russa em Madri
para protestar contra o assassinato do jovem anarquista russo Nikita pelas mãos dos
fascistas.]
Comunicado: Em 16 de março, militantes da CNT-AIT de Madri e outro/as companheiro/as
solidário/as se concentraram durante uma hora e meia em frente da embaixada russa.
Entoamos diferentes cânticos contra o fascismo, o racismo, e o Estado, e outros em
memória do companheiro assassinado, Nikita. Uma grande faixa exprimia o seguinte
lema: "O Estado aponta, os fascistas esfaqueiam, Nikita nem esquecer nem perdoar”.
Nos dias anteriores da concentração foram realizadas diversas ações de propaganda
para difundir a mesma e expressar nosso protesto pelos contínuos assassinatos
fascistas na Rússia.

Sirva este pequeno ato como prova da prática do internacionalismo que professa o
anarcosindicalismo. Sempre que um/a companheiro/a anarquista for reprimido/a
-ferido/a, morto/a, detido/a, demitido/a, preso/a, humilhado/a... - a resposta
solidária será feita por parte do/as militantes da CNT.

Desta vez tocou ao companheiro Nikita em terras russas, sendo mais uma vítima de
grupos fascistas em clara conivência com o Estado russo. Desde CNT, queremos apelar
a toda a classe trabalhadora a se auto-organizar e responder a todas as formas de
agressão através da ação direta, sem delegar a terceiros, um problema que nós
sofremos, o/as próprio/as trabalhadore/as. Não podemos confiar nem em políticos ou
juízes, nem na polícia ou qualquer instituição que sirva para nos dominar. Juntos,
através da solidariedade e o apoio mútuo, devemos destruir de uma vez por todas o
atual modelo econômico-social que gera o racismo, a xenofobia e o fascismo e todos
os tipos de desigualdade e injustiça social.

Um forte abraço para a mãe, amigo/as e companheiro/as de Nikita, bem como a todo o
movimento libertário na Rússia. A guerra continua companheiro/as.

Contra o fascismo e toda autoridade!

Nikita, nem esquecer nem perdoar!

CNT-AIT Madri

agência de notícias anarquistas-ana



More information about the A-infos-pt mailing list